Você está aqui: Página Inicial / NOTÍCIAS / Relação entre arte, cultura e política será tema de encontros da Cátedra Olavo Setubal em agosto

Relação entre arte, cultura e política será tema de encontros da Cátedra Olavo Setubal em agosto

por Fernanda Rezende - publicado 06/07/2017 10:10 - última modificação 14/07/2017 09:42

Com atividades marcadas para os dias 15, 22 e 29 de agosto, Cátedra aproveita a experiência de seu titular, Ricardo Ohtake, para discutir a gestão de instituições culturais no país.
Centro Cultural São Paulo
Vista interna da biblioteca do Centro Cultural São Paulo, local onde será o primeiro encontro (Foto: Marcio de Assis/Wikimedia)

Três encontros em agosto marcarão o início das atividades da Cátedra Olavo Setubal de Arte, Cultura e Ciência sob a gestão de Ricardo Ohtake, que tomou posse em maio como titular. Focadas no objetivo de avaliar as relações entre arte, cultura e política, as atividades do mês se basearão no olhar e na experiência do catedrático como um dos mais importantes gestores culturais do país.

Ao longo do semestre, outros eventos integrarão o ciclo Cultura, Institucionalidade e Gestão, buscando fornecer um panorama crítico, atual e histórico da formação de uma estrutura cultural na cidade de São Paulo. O IEA selecionará até 30 interessados em acompanhar gratuitamente todas as atividades do ciclo, sem a necessidade de se inscrever a cada evento. Leia mais.

No dia 15 de agosto, o seminário Arte & Política: Um Retrospecto da Carreira de Ricardo Ohtake reunirá grandes nomes da cultura nacional para apresentar um retrospecto da carreira de Ricardo Ohtake como dirigente cultural na cidade de São Paulo. O debate terá a participação da cineasta Tata Amaral; do curador e crítico de artes Olívio Tavares de Araujo; do professor da Escola de Comunicação e Artes (ECA) da USP e coordenador acadêmico da cátedra, Martin Grossmann; do escritor e biógrafo Fernando Morais; e do crítico de cinema e curador Amir Labaki. A moderação será do cientista social Miguel Chaia. A discussão acontece das 14h30 às 17h30, na Sala Adoniran Barbosa do Centro Cultural São Paulo, local que teve Ohtake como primeiro diretor. Os ingressos serão distribuídos no local, uma hora antes do início da atividade, limitados a dois ingressos por pessoa. A sala tem 622 lugares.

Relacionado

As perspectivas da cultura sob o olhar de Ricardo Ohtake

Rouanet inaugura Cátedra Olavo Setubal de Arte, Cultura e Ciência

Realizações da cátedra

Os outros dois encontros do mês avaliarão a contribuição central de cinco instituições culturais em São Paulo, sempre com a presença de gestores da área e com a moderação de Ricardo Ohtake. O primeiro debate, no dia 22 de agosto, às 14h30, acontecerá no Museu Afro Brasil e terá a participação de seu diretor curador, Emanoel Araujo, e de Danilo Santos de Miranda, diretor regional do Sesc São Paulo. As inscrições podem ser feitas aqui. A segunda atividade sobre o tema será no dia 29 de agosto, no mesmo horário, na Sala Multiuso do Instituto Itaú Cultural, com a participação de seu diretor, Eduardo Saron. Para participar, é necessário retirar ingressos no local (público preferencial pode retirar com duas horas de antecedência, com direito a um acompanhante, e público geral, com uma hora de antecedência, limitado a um por pessoa).

Todos os eventos serão transmitidos ao vivo pelo site do IEA.

A programação dos demais meses atende aos outros três objetivos de estudo deste ano na cátedra: conhecer o perfil de instituições culturais que fazem diferença na estrutura cultural de uma cidade como São Paulo; avaliar a contribuição de certos gestores culturais na consolidação de um campo cultural no Brasil; e entender o papel das exposições na representação cultural de um Brasil contemporâneo.

 

Curso rápido

Para se candidatar a uma das 30 vagas do curso, que é gratuito, é necessário enviar currículo e uma carta de intenção (até duas páginas) para academicoiea@usp.br até 23 de julho. Só serão aceitas pessoas com ensino superior completo. A lista de selecionados será divulgada no dia 28 de julho. Os alunos devem comparecer a pelo menos 85% da programação e realizar as atividades propostas para receber certificado de participação. Além da programação de eventos da cátedra, esse grupo participará de uma aula introdutória, em 8 de agosto, e outra de encerramento, no dia 28 de novembro.

 

Veja programação completa abaixo, ainda não detalhada e sujeita a alterações:

Agosto

Dia 15, às 14h30: Arte & Política: Um Retrospecto da Carreira de Ricardo Ohtake | Local: Sala Adoniran Barbosa do Centro Cultural São Paulo
Dia 22, às 14h30: Instituições Culturais I | Local:
Museu Afro Brasil
Dia 29, às 14h30: Instituições Culturais II | Local: Sala Multiuso do Instituto Itaú Cultural

Setembro

Dia 12: Instituições Culturais entre final da II Grande Guerra e 2016
Dias 19 e 26: Dirigentes Culturais: dos Anos 50 à Atualidade

Outubro

Dias 10, 17 e 20: Dirigentes Culturais: dos Anos 50 à Atualidade
Dia 24: Exposições I - Do figurativismo ao abstracionismo e Bienais
Dia 31: Exposições II - "1ª Exposição Nacional de Arte Concreta", 1956; "1ª Exposição Nacional de Arte Neoconcreta", 1959

Novembro

Dia 7: Exposições III - "Opinião 65", MAM/RJ, 1967; "Nova Objetividade Brasileira", MAM/RJ, 1967; e "A Mão do Povo Brasileiro", MASP/SP, 1969
Dia 14: Exposições IV - "Exposição Não-Exposição", Galeria Rex, 1967; "Do corpo à terra", Palácio das Artes/BH, 1970; "Domingos de Criação", MAM/RJ, janeiro a julho de 1971; "Como vai você, Geração 80?", Escola de Artes Visuais do Parque Laje/RJ, 1984 
Dia 21: Exposições V - "Meio Século de Arte Brasileira", Instituto Tomie Ohtake, 2006; "África/Africans", Museu Afro Brasil, 2015