Você está aqui: Página Inicial / NOTÍCIAS / Documentário 'Pastor Cláudio' será exibido e debatido com diretora no dia 23 de setembro

Documentário 'Pastor Cláudio' será exibido e debatido com diretora no dia 23 de setembro

por Mauro Bellesa - publicado 09/09/2019 11:55 - última modificação 16/09/2019 14:27

O debate "O Dispositivo Cinematográfico na Construção de Outros Regimes de Verdade: O Documentário 'Pastor Claudio'", realiza-se no IEA, no dia 23 de setembro; é o segundo dos quatro encontros do ciclo "Violações de Diretos Humanos: Dispositivos Clínico-Políticos".

Cena de "Pastor Cláudio"
O pastor Cláudio Guerra em cena do documentário que trata de sua atuação na repressão aos opositores da ditadura

Com o tema O Dispositivo Cinematográfico na Construção de Outros Regimes de Verdade: O Documentário "Pastor Claudio", acontece no IEA, no dia 23 de setembro, o segundo dos quatro encontros do ciclo Violações de Diretos Humanos: Dispositivos Clínico-Políticos, organizado por integrantes do Grupo de Pesquisa em Direitos Humanos, Democracia, Política e Memória (GPDH) do IEA.

Às 14h, será exibido "Pastor Cláudio", documentário escrito e dirigido por Beth Formaggini. O filme mostra o encontro entre o bispo evangélico Cláudio Guerra — ex-delegado responsável por assassinatos e incinerações de opositores à ditadura militar — e Eduardo Passos — psicólogo e ativista dos direitos humanos que trabalha no atendimento a vítimas de violência do Estado.

No filme, pastor Cláudio, "respaldado por uma interpretação contestada da Lei da Anistia e hoje membro ativo da comunidade evangélica, revela, dentre outros crimes, como fazia para desaparecer com corpos durante sua atuação como agente do Estado brasileiro no período da ditadura", destacam os organizadores.

Após a exibição haverá debate com a diretora do documentário. A mediação será do coordenador do GPDH, Paulo Endo, do Instituto de Psicologia (IP) da USP), com comentários de Márcio Seligmann-Silva, do GPDH e da Unicamp.

O evento é gratuito e aberto ao público (não requer inscrição). Quem não puder comparecer terá a oportunidade de assistir à transmissão ao vivo do debate, sem necessidade de inscrição.

Os objetivos do ciclo são discutir as dimensões conceituais e metodológicas de escuta de pessoas que sofreram/sofrem violações de direitos humanos; produzir subsídios para a formulação de dispositivos para as Clínicas de Direitos Humanos e para a ampliação da rede de apoio da plataforma do Observatório da Violência Policial e Direitos Humanos (OVP-DH) da PUC-SP.

Os outros três debates do ciclo serão realizados na PUC-SP, Campus Perdizes, Rua Monte Alegre, 984, Prédio Bandeira de Mello, 3º andar, sala 303, São Paulo. Os dias e temas desses encontros são:

  • 11/09, 17h - O Dispositivo Grupal na Re/Construção de Histórias Interrompidas pela Violência de Estado;
  • 9/10, 14h - Sofrimento Ético-Político e Dispositivos Coletivos de Escuta de Mães e Familiares de Vítimas da Violência de Estado;
  • 16/10, 14h - Narrar os Atos de Ódio contra LGBTs: Implicações para a Escuta e os Estudos da Subjetividade.

As mesas dos debates são organizados por quatro integrantes do GPDH: Maria Cristina G. Vicentin (PUC-SP), Paulo Endo (Instituto de Psicologia da USP), Cláudia Trigo Aguiar (PUC-SP) e Lívia Santiago Moreira (Instituto Sedes Sapientiae e Unicamp).

A realização do ciclo conta com o apoio da Universidades pelos Direitos Humanos e do Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia Social da PUC-SP (Núcleos Lógicas Institucionais e Coletivas - Nuplic - e Dialética Inclusão/Exclusão - Nexin).


O Dispositivo Cinematográfico na Construção de Outros Regimes de Verdade: O Documentário "Pastor Claudio"
23 de setembro, 14h
IEA, Sala Alfredo Bosi, Rua da Praça do Relógio, 109, térreo, Cidade Universitária, São Paulo
Evento gratuito e aberto ao público (sem inscrição)  - Para assistir à transmissão ao vivo pela internet não é preciso se inscrever
Mais informações: com Sandra Sedini (sedini@usp.br), telefone (11) 3091-1678
Página do evento

Foto: "Pastor Cláudio - Divulgação