Você está aqui: Página Inicial / PESQUISA / Projetos Institucionais / Grupo de Análise da Conjuntura Institucional

Grupo de Análise da Conjuntura Institucional

por Marilda Gifalli - publicado 09/05/2014 17:45 - última modificação 09/05/2014 17:50

No dia 19 de novembro de 2013 o IEA realizou a primeira reunião de um grupo destinado a 1ª Reunião do Grupo de Conjuntura Institucionalpromover uma análise conjuntural do Instituto e da USP. A reunião foi motivada pelos episódios de depredação da sede do Instituto durante a invasão e ocupação da Administração Central da universidade do dia 10 de outubro a 11 de novembro de 2013.

No encontro, destacou-se o fato de o IEA ser um espaço diferenciado da USP em contraponto à departamentalização , um locus dedicado ao debate e à reflexão e com a participação, ao longo de sua história, de eminentes cientistas e pensadores brasileiros e estrangeiros.

Como fórum de convergência interdisciplinar, o IEA torna-se uma das alternativas à excessiva fragmentação da USP, indicada por participantes do encontro como uma das possíveis causas das dificuldades que a USP atravessa. Nesse sentido, propõe-se que o Instituto amplie as formas de acolhimento de professores e pesquisadores de outras unidades, ampliando seu papel como aglutinador da comunidade acadêmica.

Outras propostas para o IEA surgidas no encontro foram a realização de mais atividades que discutam os rumos da USP e iniciativas que propiciem o diálogo entres os setores da USP. Em relação a esse aspecto, foi proposto que o Instituto promova nas duas semanas em que não há aulas nos semestres letivos – Semana da Pátria e Semana Santa – atividades extracurriculares mobilizadoras dos estudantes.

Em relação aos recentes episódios de violência na Universidade, os participantes levantaram vários aspectos a serem analisados. Um dos principais foi a identificação de uma ruptura nos processos de negociação entre as partes. Por outro lado, destacou-se a necessidade de dialogar com os estudantes e analisar o contexto de suas manifestações e ações, sem ignorar os valores essenciais inerentes à missão da Universidade, como a meritocracia, e sem diminuir o justo e necessário exercício da autoridade das várias instâncias responsáveis pela condução das atividades de ensino, pesquisa e extensão.

Participaram da reunião: Caio Dantas (coordenador de grupo de estudo); Carlos Guilherme Mota (ex-diretor), Carlos Henrique de Mesquita (ex--conselheiro), Guilherme Ary Plonski (conselheiro), Hugh Lacey (professor visitante), José Pedro de Oliveira Costa (co-coordenador de grupo de pesquisa), Martin Grossmann (diretor), Massimo Canevacci (professor visitante), Nilson José Machado (ex-conselheiro), Pablo Rúben Mariconda (coordenador de grupo de pesquisa), Pedro Jacobi (coordenador de grupo de pesquisa), Regina Maria Salgado Campos (coordenadora de grupo de pesquisa), Renato Janine Ribeiro (conselheiro), Ruby Rudy (ex-conselheira), Sérgio Adorno (coordenador de cátedra), Sedi Hirano (conselheiro), Sandra Nitrini (membro de grupo de pesquisa) e Sylvia Dantas (coordenadora de grupo de pesquisa).