Você está aqui: Página Inicial / EVENTOS / Pertencimento como Forma de Enfrentamento da Violência

Pertencimento como Forma de Enfrentamento da Violência

por Cláudia Regina - publicado 24/09/2020 06:45 - última modificação 07/10/2020 11:24

Detalhes do evento

Quando

de 13/10/2020 - 14:30
a 13/10/2020 - 17:30

Onde

ON-LINE

Nome do Contato

Telefone do Contato

11 3091-1686

Adicionar evento ao calendário

O evento foca um dos temas do projeto do Grupo “Tempo, Memória e Pertencimento”, a questão do pertencimento como fundamental para o resgate da identidade pessoal e social da população brasileira.

Nesse momento especialmente, marcado pela difusão da pandemia do Covid 19, é preciso cuidar dos mundos da vida das pessoas e dos grupos, apontando e valorizando a vida que brota neles, como dimensão educativa para o País. A fotografia retratando estes mundos, a história do território, a função da arte e da memória neste momento de crise permite que os posicionamentos não se reduzam apenas a um ressentimento, mas seja uma construção no presente e uma orientação para o futuro, resgatando um pertencimento que existe. Propomos assim este encontro entre experiências que apontam para o drama do não pertencimento das jovens gerações e para caminhos para resgate do pertencimento.

Inscrições

Evento público e gratuito | sem inscrição prévia

Não haverá certificação

Programação

Expositores:

Retratos da Juventude Negra Brasileira – Rumo ao Pertencimento - Edu Simões (Fotógrafo)

Juventude e os Mundos da Vida: Memória, Pertença e Beleza como Forma de Enfrentamento da Violência nas Periferias - José Eduardo Ferreira Santos (Acervo da Laje)

Mediadora:

Marina Massimi (IEA/USP)

Evento com transmissão em: http://www.iea.usp.br/aovivo