Você está aqui: Página Inicial / EVENTOS / Ciclo de Minicursos "Educação Básica: Fundamentos, Conteúdos e Perspectivas"

Ciclo de Minicursos "Educação Básica: Fundamentos, Conteúdos e Perspectivas"

por Nelson Niero Neto - publicado 20/08/2020 10:10 - última modificação 25/09/2020 12:57

De setembro a dezembro de 2020, a Cátedra de Educação Básica da USP oferecerá 23 minicursos virtuais e gratuitos sobre os fundamentos, os conteúdos e as perspectivas da educação básica no Brasil. O ciclo é voltado a professores da rede pública, mas é aberto a todos os interessados em participar.

Os minicursos serão independentes, cabendo ao interessado escolher qual ou quais deseja assistir. A transmissão será sempre pelo canal do YouTube da Cátedra e não será preciso se inscrever.

Objetivo

Parceria do Instituto de Estudos Avançados, onde está sediada, com a Fundação Itaú para Educação e Cultura, a Cátedra tem como objetivo contribuir para políticas de formação e reconhecimento do professorado da educação básica no País, especialmente das redes públicas.

Neste contexto, o ciclo de minicursos espera enriquecer as visões e perspectivas dos participantes ao abordar temas diversos que compõe a realidade do educador.

Coordenação

Cátedra de Educação Básica da USP

Parceria

Fundação Itaú para Educação e Cultura

Público-alvo

O curso é voltado a professores da rede pública de ensino básico, mas está aberta a todos interessados – professores da rede privada, estudantes, pesquisadores e público interessado, de dentro e fora da comunidade da USP.

Data e Horário

Os minicursos vão ocorrer entre 1º de setembro e 10 de dezembro, em 23 datas (veja abaixo), sempre das 16h às 18h30.

Transmissão

A transmissão será sempre pelo canal do YouTube da Cátedra. Não é necessário se inscrever para assistir.

Atestado de participação

Serão concedidos atestados de participação para cada minicurso. Os interessados deverão preencher um formulário enviado durante a transmissão.

Programação

Serão três minicursos por semana, às terças, quartas e quintas-feiras, totalizando oito semanas. A exceção é a Semana 5, que terá dois cursos, na terça e quinta-feira.

Todos os minicursos serão das 16h às 18h30.

Veja detalhes sobre cada evento depois da tabela.

TerçaQuartaQuinta

01/09 | Minicurso 1: O Conhecimento como Valor: As Ideias de Commodities e Commons

Expositor: Nilson Machado

2/09 | Minicurso 2: Estresse Docente e Discente na Educação Básica

Expositor: Lino de Macedo

3/09 | Minicurso 3: Dilemas da Educação Básica no Pós-Pandemia

Expositor: Luís Carlos de Menezes

15/09 | Minicurso 4: O Que Falta para Viabilização e Implantação da BNCC?

Expositoras: Bernardete GattiLuisa Guimarães

16/09 | Minicurso 5: Educação sem Distância: Flexibilizando Tempos e Espaços na Aprendizagem Ativa

Expositora: Roseli de Deus Lopes

17/09 | Minicurso 6: Estruturação do Ensino Médio por Itinerários Formativos e Interáreas de Conhecimento

Expositor: Francisco Cordão

29/09 | Minicurso 7: Sobre o Conceito de Direito de Aprender: Perspectivas Pedagógica e Jurídica

Expositora: Nina Ranieri

30/09 | Minicurso 8: Educação Intercultural: Contribuições de Escolas Indígenas à Educação de Não Indígenas

Expositor: Elie Ghanem e Diana Pellegrini

01/10 | Minicurso 9: Desafios para a Educação no Campo

Expositora: Claudia Passador

13/10 | Minicurso 10: Construção do Conhecimento: Das Informações às Narrativas

Expositor: Nilson Machado

14/10 | Minicurso 11: Jogos e Metodologias Ativas na Escola Fundamental

Expositor: Lino de Macedo

15/10 | Minicurso 12: A Importância das Artes nos Currículos da Educação Básica

Expositor: Daniel Puig

27/10 | Minicurso 13: Interdisciplinaridade e Transversalidade na Construção Curricular do Ensino Médio

Expositor: Luís Carlos de Menezes

Excepcionalmente não haverá minicurso na quarta-feira, 28/10.

29/10 | Minicurso 14: Atividades Complementares Coletivas e Projeto Pedagógico da Escola

Expositor: Herbert Alexandre João

10/11 | Minicurso 15: Epistemologia: Garimpo da Didática

Expositora: Nilson Machado

11/11 | Minicurso 16: Educação Baseada em Evidências: Aportes Críticos

Expositor: Naomar de Almeida Filho e Beatriz Cardoso

12/11 | Minicurso 17: Aprendizagens Ativas: Problemas e Projetos

Expositoras: Bernardete GattiLuisa Guimarães

24/11 | Minicurso 18: Educação Aberta Digital no Currículo: Superando EAD

Expositora: Roseli de Deus Lopes

25/11 | Minicurso 19: Noções sobre Modelagem Matemática: Qualidade de Vida e Crescimento de Populações

Expositor: Nilson Machado

26/11 | Minicurso 20: Formação Continuada de Professores para Atuar na Educação Profissional Técnica

Expositor: Francisco Cordão

08/12 | Minicurso 21: Humboldt e a Educação

Expositores: Daniel PuigNaomar de Almeida FilhoNilson Machado

09/12 | Minicurso 22: Dewey e a Educação

Expositores: Beto Cavallari, Inés Dussel e José Crisóstomo

10/12 | Minicurso 23: Piaget e a Educação

Expositor: Lino de Macedo

 

Confira a lista completa de minicursos.

Semana 1

01/09 | Minicurso 1: O Conhecimento como Valor: As Ideias de Commodities e Commons

Expositor: Nilson Machado (FE-USP)

Ementa:
1. Economia e Educação: da separação radical à integração atual; o lugar da Ética
2. Imagens do Conhecimento: Cadeias causais, Redes de conexões, o Iceberg
tácito/explícito, a Dádiva e o Mercado
3. Ostrom e a ideia de Commons: valor de uso, valor de troca, valor de laço; a
vida como valor maior
4. Mediações entre Mercado e Estado: Ressignificações das ideias de
Profissionalismo, Autoria, Autoridade, Criação, Trabalho, ...

 

2/09 | Minicurso 2: Estresse Docente e Discente na Educação Básica

Expositor: Lino de Macedo (IP-USP)

Definir stress, caracterizá-lo no contexto da Educação Básica tanto na perspectiva docente quanto discente e refletir sobre sua atualidade. Ementa:

1. Stress, avaliação e estratégias de enfrentamento, segundo Lazarus & Folkman;
2. O stress docente na Educação Básica;

3. O stress discente na Educação Básica;
4. Atualidade do stress escolar.

3/09 | Minicurso 3: Dilemas da Educação Básica no Pós-Pandemia

Expositor: Luís Carlos de Menezes (IF-USP)

A pandemia, ao transformar produção, serviços e profissões, desafia a educação na preparação para uma vida que não será a mesma. Ao mesmo tempo, as práticas de quarentena atualizaram a consciência de tecnologias de comunicação como recursos formativos. Por isso, em lugar de centrar na pós-pandemia a mera recuperação do “tempo perdido”, fará sentido repensar metas e métodos. Esse processo conviverá no Brasil com o esforço para a implantação da nova Base Nacional Comum Curricular que, igualmente, propõe novos objetivos e processos.​

Outra questão é a retomada da rotina, no reencontro presencial que revelará diferenças na aprendizagem, seja por impossibilidade de acesso ou por dificuldade de adaptação às tecnologias digitais. Em vez de reprovar ou segregar por defasagem, correto é promover efetivo recomeço em ambiente colaborativo, como se a escola fosse o acolhimento solidário a atingidos por grave acidente, o que em face da pandemia é mais do que uma metáfora. Mais do que improviso, será preciso preparar educadores e fazer reuniões com a comunidade, para que as novas práticas tenham a compreensão de todos.

Semana 2

15/09 | Minicurso 4: O Que Falta para Viabilização e Implantação da BNCC?

Expositoras: Bernardete Gatti (Fundação Carlos Chagas) e Luisa Guimarães (FEA e IEA-USP)

1) Compreensão dos fundamentos da BNCC e perspectivas curriculares
2) Delineamento de política de implementação: formação de professores
3) BNCC e currículo escolar: escolhas e ações pedagógicas.
4) Níveis educacionais e aprendizagens: novas dinâmicas pedagógicas.


16/09 | Minicurso 5: Educação sem Distância: Flexibilizando Tempos e Espaços na Aprendizagem Ativa

Expositora: Roseli de Deus Lopes (Poli-USP)

Mais informações em breve.

17/09 | Minicurso 6: Estruturação do Ensino Médio por Itinerários Formativos e Interáreas de Conhecimento

Expositor: Francisco Cordão (Peabiru Educacional)

Ementa:

1) Ensino Médio como etapa de consolidação da Educação Básica e preparação para a cidadania e o trabalho;
2) Currículo orientado pela BNCC e por Itinerários Formativos organizados segundo diferentes arranjos curriculares;
3) Relevância do contexto local e possibilidades do sistema de ensino determinam estruturação curricular Inter áreas do conhecimento, integrando saberes e projetos de vida;
4)  Aprendizagens essenciais expressas em competências definidas como a mobilização de conhecimentos (conceitos e procedimentos), habilidades (práticas cognitivas e socioemocionais), e atitudes e valores, voltados para resolver demandas complexas da vida cotidiana.

 

Semana 3

29/09 | Minicurso 7: Sobre o Conceito de Direito de Aprender: Perspectivas Pedagógica e Jurídica

Expositora: Nina Ranieri (FD-USP)

Objetivos Gerais:

Oferecer noções jurídicas básicas sobre o conceito, o conteúdo, a natureza jurídica e a titularidade do direito a aprender, como uma das dimensões do direito à educação. Complementarmente, o curso tratará do direito a aprender como dever do Estado, do federalismo educacional e dos encargos e competências sistemas de ensino.

Plano de Aula:

1- Do direito de aprender: conceito, conteúdo, titulares e sujeitos passivos
2- O Estado e o direito de aprender: sistemas de ensino; encargos e competências

30/09 | Minicurso 8: Educação Intercultural: Contribuições de Escolas Indígenas à Educação de Não Indígenas

Expositor: Elie Ghanem Jr. (FE-USP) e Diana Pellegrini

A significativa variedade de povos e línguas indígenas no Brasil é pouco conhecida, assim como o recente crescimento do número de escolas e de docentes indígenas. Para além das dificuldades materiais que essas escolas apresentam, comuns às de unidades de muitas zonas rurais e de periferias urbanas, são lugares de práticas educacionais que atravessam tanto as culturas dos povos originários quanto as culturas da sociedade envolvente. Também por essas características, diversos povos indígenas estão empenhados em fazer valer seu direito a uma educação específica e diferenciada. Suas tentativas de inventar esse tipo de escola trazem importantes questionamentos e indicações para a revisão do modelo de educação escolar predominante entre não indígenas e à formação de docentes ligada a esse modelo.


01/10 | Minicurso 9: Desafios para a Educação no Campo

Expositora: Claudia Passador (FEA-RP/USP)

A partir do olhar sobre a construção da cultura brasileira no período colonial e da institucionalização do regime democrático, o objetivo do minicurso é mapear o cenário das políticas federais para a educação no campo, identificando os principais atores envolvidos no mesmo, bem como os processos de colaboração estabelecidos.

  • Analisar a influência da cultura brasileira na contraposição entre ruralidade e urbanidade;

  • Mapear a construção do movimento educação no campo no país e a legislação pertinente;

  • Discorrer sobre as políticas públicas de educação no campo dos últimos 20 anos;

  • Discutir os desafios para o futuro.


Semana 4

13/10 | Minicurso 10: Construção do Conhecimento: Das Informações às Narrativas

Expositor: Nilson Machado

Ementa:​

a) Conhecimento e Informação: o significado do BIT; limitações da ideia de medida da Informação; infons e chunks

b) Conhecimento e Narrativa: exploração das relações em diferentes contextos; a passagem do binário (Contos de Fadas) ao multifário

c) Qualidades de uma narrativa didaticamente eficaz: equilíbrio entre os pares particular/genérico, abertura/canonicidade, atualidade/eternidade

d) Exploração das qualidades de narrativas didaticamente eficazes em diferentes contextos a partir de uma lista apresentada pelo docente


14/10 | Minicurso 11: Jogos e Metodologias Ativas na Escola Fundamental

Expositor: Lino de Macedo

Objetivo: Caracterizar o que são metodologias ativas e refletir sobre a atualidade de sua aplicação em sala de aula.

a) O que são metodologias ativas?

b) Como formar professores ao uso de metodologias ativas?

c) Metodologias ativas e uma visão construtivista de ensino-aprendizagem.

d) Os jogos na escola como um exemplo de aplicação de metodologias ativas.

15/10 | Minicurso 12: A Importância das Artes nos Currículos da Educação Básica

Expositor: Daniel Puig (UFSB e IEA-USP)

O minicurso A Importância das Artes nos Currículos da Educação Básica parte de um viés histórico, abordando a presença das Artes em diferentes configurações curriculares no mundo ocidental e no Brasil. Faz isso de maneira indireta, ao discutir três formas atuais da presença das Artes nos currículos escolares:
- arte e interdisciplinaridade: disciplinas, linguagens, habilidades e competências (incluindo a BNCC);
- a criação artística como estratégia de ensino-aprendizagem;
- arte e encontro de saberes.

 

Semana 5

27/10 | Minicurso 13: Interdisciplinaridade e Transversalidade na Construção Curricular do Ensino Médio

Expositor: Luís Carlos de Menezes

Disciplinas do Ensino Médio reeditando as que formaram seus professores, em versão discursiva e aligeirada daquelas nas faculdades, não contribuem para a esperada conclusão da Educação Básica. Mas não bastam regulamentos para mudar essa cultura, e mesmo a Base Nacional Curricular, propondo aprendizagem ativa por área de conhecimento, é mais uma tentativa de praticar o proposto há um quarto de século na Lei de Diretrizes e Bases. Por isso, é bom começar concebendo ações em escolas, seguindo as pioneiras que há tempos praticam ensino participativo e por projetos. Articular disciplinas de uma área, ou mesmo entre as áreas, permite tratar de problemas reais e conduzir projetos, além de também enriquecer a aprendizagem disciplinar.


É físico-química a periodicidade quântica da tabela de elementos, é bioquímica a fotossíntese nos cloroplastos, é histórico-geográfico o realinhamento de fronteiras políticas e econômicas, assim como é físico-química e econômico-geográfica a comparação entre matrizes energéticas nacionais. E grupos de estudantes que investiguem o IDH de sua região, que procurem otimizar o consumo de energia em sua escola ou orientar sua preparação de alimentos, combinarão conhecimentos sociais, naturais, matemáticos e estéticos. Na
elaboração do currículo escolar, essas atividades interdisciplinares precisam ser planejadas e distribuídas no tempo, com trabalho coletivo entre professores, que podem necessitar de alguma orientação. Aliás, sua essencial formação inicial e continuado para a interdisciplinaridade demandará mobilização de sistemas escolares e universitários.


(Excepcionalmente não haverá minicurso na quarta-feira, 28/10)


29/10 | Minicurso 14: Atividades Complementares Coletivas e Projeto Pedagógico da Escola

Expositor: Herbert Alexandre João (IFSC-USP)

Mais informações em breve.

 

Semana 6

10/11 | Minicurso 15: Epistemologia: Garimpo da Didática

Expositor: Nilson Machado

Ementa:​

1) Epistemologia e Didática: simbiose entre Teoria e Prática, entre Factos e Fictos, entre Realidade e Imaginação

2) Sobre a distinção entre conceitos e ideias, entre esquemas e preconceitos: Gadamer e a Fusão de Horizontes

3) Algumas ideias fundamentais para o par Epistemologia/Didática: Cadeias e Narrativas; Redes e Mapas

4) Novas explorações do par Epistemologia e Didática: Avaliação, Indícios, Icebergs, Integridade, Portfólios…


11/11 | Minicurso 16: Educação Baseada em Evidências: Aportes Críticos

Expositor: Naomar de Almeida Filho (UFBA e IEA-USP) e Beatriz Cardoso

Mais informações em breve.

12/11 | Minicurso 17: Aprendizagens Ativas: Problemas e Projetos

Expositoras: Bernardete Gatti e Luisa Guimarães

Ementa:

1) Fundamentos das propostas dos chamados métodos ativos de aprendizagem.

2) Visão histórica da mobilização de práticas mobilizadoras para as aprendizagens.

3) Meios pedagógicos mobilizados para aprendizagem participativa.

4) Métodos ativos: condições de realização e problemas.

Semana 7

24/11 | Minicurso 18: Educação Aberta Digital no Currículo: Superando EAD

Expositora: Roseli de Deus Lopes

Mais informações em breve.

25/11 | Minicurso 19: Noções sobre Modelagem Matemática: Qualidade de Vida e Crescimento de Populações

Expositor: Nilson Machado

Ementa:

​a) A ideia de Qualidade de Vida: do PIB per capita ao IDH (1990)

b) IDH: o significado matemático inicial e as transformações no cálculo até hoje (média aritmética, média geométrica, logaritmos);

c) Malthus e o crescimento das populações: do século XVIII aos dias atuais (exploração do site worldometers.info/pt)

d) Alguns modelos simples de crescimento: proporcionalidade, crescimento exponencial, curva logística.


26/11 | Minicurso 20: Formação Continuada de Professores para Atuar na Educação Profissional Técnica

Expositor: Francisco Cordão

Ementa:

a. Cabe aos sistemas e às instituições e redes de ensino a organização e viabilização de ações destinadas à formação continuada de profissionais não licenciados para a docência na educação profissional;

b. Prioridade para cursos de especialização, de caráter pedagógico, voltado para o exercício da docência na educação profissional, centrado na prática docente na qualificação para o trabalho;

c. Na falta de profissionais com licenciatura específica e comprovada experiência profissional, é possível a formação em serviço, a partir de plano especial de preparação de docentes para a Educação Profissional.

d. Possibilidade de aproveitamento de profissionais de notório saber e competência profissional em sua atuação no mundo do trabalho, aliada à excelência no ato de ensinar a trabalhar.

Semana 8

08/12 | Minicurso 21: Humboldt e a Educação

Expositores: Daniel Puig, Naomar de Almeida Filho e Nilson Machado

Mais informações em breve.

09/12 | Minicurso 22: Dewey e a Educação

Expositores: Beto Cavallari, Inés Dussel (Cinvestav/México) e José Crisóstomo

Mais informações em breve.

10/12 | Minicurso 23: Piaget e a Educação

Expositor: Lino de Macedo

Mais informações em breve.