Você está aqui: Página Inicial / EVENTOS / Ciclo de Reflexão eCultura: Cortes e Montagens

Ciclo de Reflexão eCultura: Cortes e Montagens

por Rafael Borsanelli - publicado 28/05/2021 19:35 - última modificação 23/06/2021 13:28

O grupo de estudos Culturas e Humanidades Computacionais do IEA-USP organiza um ciclo de encontros voltado para o entendimento do impacto da computação sobre a vida cotidiana, o avanço do conhecimento, a arte e a ideia  mesma do que define o ser humano. Trata-se de identificar, na fórmula de Michel Foucault, o que o hoje traz para dentro do ontem.

As palestras, seguidas por sessões de interpretação, estão programadas para os dias 1, 8, 15, 22 e 29 de julho de 2021, das 9 às 12 horas, pela Internet.

O ciclo abre-se para os portadores de uma graduação em qualquer área do conhecimento e aos graduandos interessados em ampliar o campo de suas dúvidas.

Leia aqui o resumo expandido do ciclo.

Programação

Dia 1: O sentido da eCultura (O que diz a cultura eletrônica)

Teixeira Coelho: autor de eCultura: A Utopia Final e de Sinais (2019) e Sinais e Maravilhas da Era Digital (2021), ex-diretor do MAC-USP e curador-coordenador do MASP.

Dia 8: Arte e algoritmo (O que é, como é, o que muda)

Marcos Cuzziol: desenvolvedor de games, concebeu as exposições Consciência Cibernética? (2017 e 2019) e Emoção Art.ficial (2006 a 2012), do Instituto Itaú Cultural.

Dia 15: Computação e biologia (O digital mudando um saber)

Marcos Buckridge: diretor do Instituto de Biociências da USP, membro- relator do Painel Intergovernamental sobre as Mudanças Climáticas (IPCC, da ONU) de 2014, coordenador do Centro de Síntese USP Cidades Globais.

Dia 22: Blockchain: economia e democracia (A sociedade no controle)

Luli Radfahrer: pesquisador da sociedade digital e colaborador da Folha de São Paulo, em  seu último livro Enciclopédia da Nuvem compila e analisa ferramentas e serviços de computação em nuvem; mantém uma coluna semanal na Rádio USP.

Dia 29: Antes de computar, pensar (A computação no ensino)

Clara Gonçalves: diretora do Parque Tecnológico da Universidade do Porto desde sua fundação em 2007 até 2019, integra o comitê diretor da “Future of Computing” Summer School e recebeu em Portugal o prêmio Personalidade do Ano de 2019 em Inovação. Dirige o Centro de Transferência e Inovação da Escola de Medicina da Universidade do Minho, Portugal.

 

Inscrições

  • Até às 15h de 18 de junho de 2021 neste formulário.
  • Número de vagas: 30 (trinta)
  • Documentos necessários: para graduandos, histórico escolar; para graduados, certificado ou diploma. O ciclo está aberto a todas as áreas do conhecimento.
  • O resultado da seleção será divulgado até o dia 25 de junho de 2021Resultado da seleção.

O Ciclo oferecerá uma declaração de participação aos que frequentarem um mínimo de quatro sessões e enviarem à organização, no prazo de até 30 minutos após o encerramento de cada sessão, um texto entre 5 e 10 linhas de extensão sumarizando a ideia-chave da mesma sessão, apresentando uma pergunta pertinente ou levantando um ponto para discussão.