Você está aqui: Página Inicial / EVENTOS / Agenda de eventos

Agenda de eventos

por Aziz Salem - publicado 29/08/2012 08:55 - última modificação 09/11/2016 10:28

Tecnologias, Educação a Distância, Escola Integral: Em que Pé Estamos?

por Heloisa Marcondes - publicado 06/11/2017 11:15 - última modificação 08/11/2017 17:15

Detalhes do evento

Quando

de 22/11/2017 - 09:00
a 22/11/2017 - 18:00

Onde

Antiga Sala do Conselho Universitário, Rua da Praça do Relógio, 109, térreo, Butantã, São Paulo

Nome do Contato

Telefone do Contato

3091 - 1686

Adicionar evento ao calendário

Terceiro seminário do Grupo de Estudos "Educação Básica Pública Brasileira: Dificuldades Aparentes, Desafios Reais", que visa a promover reflexões e fundamentar ações para o enfrentamento de problemas estruturais da educação básica pública brasileira.

Um tema em destaque no seminário será a Educação a Distância (EAD), um processo de educação mediado por tecnologias digitais no qual professores e alunos são separados de forma espacial e/ou temporal. Serão também abordadas as Tecnologias Educacionais Interativas, os Problemas e Desafios da EAD, a Formação de professores via EAD, a Educação Metacognitiva, o Design Instrucional, a Educação Híbrida, o papel das mídias digitais na educação, entre outros temas.

No Censo da Educação Superior divulgado pelo INEP em agosto último, evidenciou-se o crescimento da EAD: 7,2% ante uma diminuição de 1,2% das matrículas presenciais. São cerca de 1,5 milhão de alunos na EAD, apenas 18,6% do total de matrículas. O seminário discutirá e sugerirá como as tecnologias digitais podem ser aplicadas na educação básica pública. Há consensos no diagnóstico da má qualidade da educação básica pública brasileira, diversos indicadores sustentam essa opinião e identificar os desafios reais é o principal objetivo do Grupo de Estudos.

Outros temas serão abordados nos seminários seguintes:

  • Experiências Inovadoras
  • Documentos Reguladores (Planos, Currículos, Base Nacional Comum)

Inscrições

Evento público e gratuito | Com inscrição prévia

Programação

Evento com transmissão em: http://www.iea.usp.br/aovivo

VII Seminário Estudos Olímpicos

por Rafael Borsanelli - publicado 16/10/2017 12:50 - última modificação 14/11/2017 11:24

Detalhes do evento

Quando

de 23/11/2017 - 07:00
a 24/11/2017 - 19:00

Onde

Auditório da Escola de Educação Física e Esporte - USP, Av. Mello Moraes, 65, Butantã, São Paulo, SP

Nome do Contato

Telefone do Contato

(11) 3091-8798

Adicionar evento ao calendário

Nos últimos dezessete anos, o Grupo de Estudos Olímpicos da EEFE-USP esteve a frente de inúmeras pesquisas e ações contribuindo para preservar a memória do esporte olímpico brasileiro, desenvolver os estudos olímpicos e fomentar a educação olímpica no país. A realização deste seminário visa contribuir e enriquecer as discussões nacionais e internacionais tendo como tema central o Legado e os Desafios dos Jogos Olímpicos.

Inscrições

Instruções para inscrição em olimpianos.com.br/seminario

Submissão de trabalhos

Os trabalhos serão aceitos até 30/10. Instruções para submissão em olimpianos.com.br/seminario.

Organização

Programação

A programação completa está disponível em olimpianos.com.br/seminario

Ciclo Intervenção Social e Conhecimento Científico: Redes Sociais e Movimentos Coletivos (décimo segundo seminário)

por Sandra Sedini - publicado 17/07/2017 17:10 - última modificação 24/08/2017 17:49

Detalhes do evento

Quando

de 23/11/2017 - 14:00
a 23/11/2017 - 17:00

Onde

Instituto de Psicologia, Bloco F, sala 36, Butantã São Paulo

Nome do Contato

Telefone do Contato

11 3091-1678

Adicionar evento ao calendário

Massa e Poder no Século XXI. Redes como Estrutura Algébrica e sua Disponibilização como Instrumento Tecnológico: Ordem e Decisão nas Operações Estratégicas de Manipulação das Informações

A emergência das ciências processuais aplicadas à leitura e à interpretação da realidade natural e social colocou novas questões de método que se consolidaram sob a forma de problemas epistemológicos contemporâneos - verdade científica x verdade histórico-literária.

Por outro lado, o surgimento dos métodos da engenharia, como especialidades teóricas da prática, gerou as condições para a emergência de uma tecnologia científica, subordinando processo científico e social a processo produtivo. Dessa forma, a intervenção sobre problemas sociais como solução metodológica reflete a ruptura de hegemonia de modelos epistemológicos produzidos pela difusão mercantilizada do conhecimento científico gerado nas ciências processuais.

Sob tal perspectiva, os treze seminários do ciclo proposto pretende promover, mediante estudos das questões apontadas, a compreensão crítica de relações entre conhecimento científico e vida social como condicionantes de projetos alternativos de Futuro, mediados por, e comprometidos com sistemas arbitrários de valores de verdade, em difusão midiática e tecno-eletrônica.

Expositora:

Eda Tassara

Material de Referência:

ADAMS, H.; SEARLE, L. (org.) Critical Theory, vol. I e II [vol. I: Since 1965. Florida, University Presses of Florida, 1986 ; vol. II: Since Plato. Boston, Thomson Wadsworth, 2005].
PINTO, A. V. O Conceito da Tecnologia, vol. I e II. Rio de Janeiro, Ed. Contraponto, 2005.
STANDING, G. O Precariado. A nova classe perigosa. Trad. Cristina Antunes. São Paulo, Autêntica Editora, 2013.
CANETTI, E. Massa e Poder. São Paulo: Companhia das Letras, 1995.
MOSCOVICI, S. L’Âge de foules. Um traité historique de psychologie des masses. Paris: Foyard, 1981 [La era de las multitudes. Um tratado histórico de psicologia de las masas. México: FCE, 1985].
SILVA, F. M. A trans-historicidade do conhecimento científico na crítica sócio-epistemológica da ciência de Pierre Bordieu. Tese de Doutorado, PUC São Paulo, 2017
VARGAS, M. A história da matematização da natureza. Estudos Avançados, 10(28), 1996, pp. 249-276

Inscrições

Evento público e gratuito | Sem inscrição

Programação

17/08

O que é a tecnologia? Arte, ciência e técnica

24/08

Tecnologia científica: tradição e conhecimento

31/08

A construção histórica do sistema científcio-tecnológico: a big Science e o domínio político do conhecimento

14/09

O desvelamento teórico da realidade: filosofia, sabedoria, linguagem e pensamento

21/09

Épisteme theoritiké: identidade, não contradição e terceiro excluído.

28/09

O pensamento e o método lógico: a crítica entre verdades e falsidades e o cotejamento com os fatos

05/10

A crítica metódica e seus procedimentos: da geometria e aritmética no cálculo e descrição de fenômenos à matematização da natureza

19/10

Interfaces conhecimento, ciência e sociedade: a emergência da engenharia e o encontro da invenção com a imaginação utópica na modernidade

26/10

versus distopias na luta política pelo futuro histórico

09/11

Civilização e cultura: globalização, mundialização e seus confrontos  no âmago psicossocial do político

16/11

A trans-historicidade do conhecimento científico e a construção das estruturas lógico-matemáticas: a contemporaneidade para além do senso-comum

23/11

Massa e Poder no século XXI. Redes como estrutura algébrica e sua disponibilização como instrumento tecnológico: ordem e decisão nas operações estratégicas de manipulação das informações

30/11

Debate final: O que é a intervenção social no contexto do conhecimento teórico?

1° Seminário Brasileiro de Economia Circular no Agro

por Sandra Sedini - publicado 09/11/2017 14:15 - última modificação 09/11/2017 14:16

Detalhes do evento

Quando

de 24/11/2017 - 07:30
a 24/11/2017 - 19:00

Onde

Anfiteatro de Ciências Florestais da ESALQ USP, Avenida Padua Dias, 11, Faculdade de Ciências Florestais, Agronomia, Piracicaba, SP

Nome do Contato

Adicionar evento ao calendário

O 1o. Seminário Brasileiro de Economia Circular no AGRO e Florestas tem como objetivo principal identificar oportunidades econômicas para negócios circulares nas diversas cadeias de valor do AGRO.

Para atingir este objetivo, pretendemos:
a) apresentar e discutir os conceitos da Economia Circular;
b) debater com os CEOs de empresas do AGRO as experiências e dificuldades para mudança dos atuais padrões de produção lineares;
b) apresentar casos de empresas já em andamento, as quais estão envolvidas com a Economia Circular no AGRO e em Florestas;
c) identificar oportunidades para inovação e captação de recursos para desenvolvimento de projetos.
Neste Seminário haverá ainda um Workshop sobre Design Thinking voltado para o AGRO e Florestas, procurando trabalhar com os participantes em temas de interesse para criação de novos modelos de produção de carne, redução de perdas dos alimentos e aproveitamento da biomassa para desenho de produtos com maior valor agregado.
Público Alvo: profissionais liberais, especialmente Eng. Agronomos, Eng. Florestais, Eng. de Alimentos, Engenheiros Agrícolas, Zootecnistas, Gestores Ambientais, Profissionais em Ciências dos Alimentos, Economistas e Administradores de Empresas; estudantes de graduação e pos-graduacao interessados em transformarem os atuais modelos lineares de consumo e produção de alimentos, fibras e bioprodutos em sistemas mais efetivos e circulares de produção.

Inscrições

Evento público e pago | Com inscrição.

Apoio

IEA

Programação

7h30

Recepção e credenciamento

8h

Abertura

Diretoria ESALQ USP

Raul Machado Neto (AUCANI USP)

8h30

Economia Circular (EC):

Conceitos, Oportunidades e Desafios - Aldo Ometto  (EESC USP)

Contexto da EC no AGRO - Weber Amaral  (ESALQ USP)

9h

Fórum de CEOs - Economia Circular Gerando Negócios

Marcelo Cessana (CEO - Frooty)

(aguardando nome) (Açúcar Native)

Francisco Camacho (CEO LFPec)

Mark Lyra (CEO Cosan Biomassa)

Moderador: Prof. Dante P. Lanna  (ESALQ USP)

11h

Estudos de caso: Realizando a EC na Prática

Gustavo Hermann (Kuppert)

Carlos Banov (HRC)

Nei Brasil (FT Sistemas)

Cyro Calixto (BRF)

Moderador: Alexandre Harkaly (IBD Certificações)

13h

Intervalo para almoço

14h

Habilitadores e oportunidades

Marcelo Vieira (Presidente SRB)

Paulo Faveret (BNDES)

Mauricio Syrio (FINEP)

Ana Arroyo (Embrapii)

Thiago Lobão (SP Ventures)

Luciano Almeida (Find Consultoria)

Moderador: Carlo Pereira (Pacto Global)

16h30

Workshop sobre Design Thinking no Agro

Coordenação Geral: Janaina M. Costa (EESC USP)

Facilitadores de conteúdo para quatro grupos de trabalho:

Grupo Mercados digitais: Thiago Salgado (AmCham Campinas)

Grupo Instrumentos e políticas públicas - Ricardo Shirota (ESALQ USP)

Grupo Redução de Perdas de Alimentos - Thais Vieira (ESALQ USP)

Grupo Produção de carne - Dante P. Lanna  (ESALQ USP)

18h30

Encerramento

Weber Amaral (ESALQ USP)

A Paisagem como Paradigma Político. Corpo e Paisagem na Época das Imagens Técnicas

por Sandra Sedini - publicado 18/10/2017 15:45 - última modificação 14/11/2017 13:41

Detalhes do evento

Quando

de 24/11/2017 - 09:00
a 24/11/2017 - 12:00

Onde

Sala de Eventos do IEA, Rua da Praça do Relógio, 109, Bloco K, 5° andar, Butantã, São Paulo

Nome do Contato

Telefone do Contato

11 3091-1678

Adicionar evento ao calendário

Desde o aparecimento do conceito da paisagem nas diversas línguas da cultura ocidental [paysage, paesaggio, landscape, Landschaft] existe uma relação indissociável entre paisagem e política, que na sua origem tratava antes de mais nada a questão do bom e do mau governo e dos efeitos do mesmo sobre a população urbana e paisana, como descrito já nos afrescos de Ambrogio Lorenzetti nos meados do século XIII.

Contudo, o que será significante para a compreensão da paisagem como paradigma politico é a abstração da paisagem como território de uma identidade, percebendo a paisagem como espaço aberto ao horizonte onde se cruzam e desdobram as múltiplas experiências humanas e não humanas. O excurso sobre a paisagem como paradigma político compreende a paisagem para além de um mero significado estético e no contexto da tríade corpo-vivo-paisagem-imaginação, considerando as imagens técnicas hoje em dia como os formadores do humano e dos seus mais diversos ambientes.

A política da paisagem e a paisagem como paradigma politico inclui o pensar sobre o corpo-vivo que perambula na paisagem que habita, como também o imaginário da natureza e do natural formado pela imagem técnica e da sua política. Enquanto as imagens dominam toda a esfera política, as paisagens serão apenas os objetos das mesmas. Mas a paisagem não é objecto, e devido a sua característica como espaço de encontro e de reunião, da horizontalidade e do terceiro entre o natural e o cultural, é o autêntico futuro agente político.

Exposição

Dirk-Michael Hennrich

Coordenação

Eda Tassara

Sandra Patricio

Inscrições

Evento público e gratuito | Sem inscrição prévia

Capacidade da sala: 50 lugares

Onde estamos

Evento com transmissão em: http://www.iea.usp.br/aovivo

Amor à Ciência - Ensaios sobre o Materialismo Darwiniano

por Sandra Sedini - publicado 28/08/2017 17:55 - última modificação 29/08/2017 10:28

Detalhes do evento

Quando

de 24/11/2017 - 15:00
a 24/11/2017 - 18:00

Onde

Sala de Eventos do IEA, Rua da Praça do Relógio, 109, Bloco K, 5° andar, Butantã, São Paulo

Nome do Contato

Telefone do Contato

11 3091-1678

Adicionar evento ao calendário

O livro AMOR À CIÊNCIA - Ensaios sobre o materialismo darwiniano será lançado com uma conversa, entre autor, José Eli da Veiga (IEE USP), Osvaldo Pessoa Jr. (FFLCH USP) e Reinaldo José Lopes (Folha de São Paulo)

A tese central do livro é que não pode haver materialismo científico que não seja, antes de tudo, darwiniano. Para justificá-la, dá uma visão panorâmica de sua crescente utilidade cognitiva em ciências tão diversas quanto a psicologia e a física quântica, passando por quase todas as ciências sociais.

Esse amplo avanço do materialismo darwiniano no âmbito científico está bem longe de ser homogêneo, gerando, ao contrário, variações que ainda não puderam ser selecionadas. O que só poderá começar a ocorrer quando forem superadas meia dúzia de controvérsias:

  1. A primeira diz respeito ao próprio conjunto dos fenômenos que evoluem pela interação dos quatro vetores essenciais: mutação, seleção, deriva e migração.

  2. A segunda às chamadas dimensões da evolução. O fato de já estar bem claro que vão além da genética e da epigenética, não quer dizer que a melhor forma de classificar as demais se resuma tão somente às categorias “comportamental” e “simbólica”.

  3. A terceira é sobre o alcance dos processos seletivos. Por mais que ainda haja resistência, certamente não demorará muito para que seja amplamente aceita a ideia de “seleção multinível”.

  4. A quarta reside no entendimento do fenômeno de superação dos numerosos tipos de conflitos sociais mediante cooperação.

  5. Em quinto, a que hoje parece a mais importante de todas. Se dá em torno do que chamamos de consciência. Por enquanto nem é possível avaliar qual será seu desdobramento, pois a divergência entre os materialistas darwinianos parece começar pelo próprio sentido que dão à palavra “consciência”.

  6. Por último, mas não menos importante, uma controvérsia que não é interna ao materialismo darwiniano, mas que diz respeito à concorrência de outros possíveis materialismos, entre os quais se destaca o materialismo histórico.

Inscrições

Evento público e gratuito | Com inscrição prévia

Capacidade da sala: 55 lugares

Onde estamos

Evento com transmissão em: http://www.iea.usp.br/aovivo

Jornada Franco-Brasileira

por Rafael Borsanelli - publicado 14/11/2017 16:45 - última modificação 21/11/2017 16:12

Detalhes do evento

Quando

de 27/11/2017 - 09:00
a 27/11/2017 - 18:00

Onde

Sala de Eventos do IEA, Rua da Praça do Relógio, 109, Bloco K, 5° andar, Butantã, São Paulo

Nome do Contato

Telefone do Contato

(11) 3091-1678

Adicionar evento ao calendário

A Jornada Franco-Brasileira visa apresentar algumas das principais influências de pesquisadores franceses nos primeiros anos de formação da Universidade de São Paulo, assim como das tradicionais escolas que se juntaram no decreto de criação de 1934. A programação trará mesas sobre medicina e biologia, ciências exatas e experimentais e ciências humanas e sociais (os resumos estão disponíveis na Folha de Resumos). Além do legado do período inicial, serão apresentados também experiências posteriores e atuais.

Nessa ocasião, o IEA-USP e o Institut des Amériques assinarão um acordo de cooperação para estabelecer canais de comunicação, trocas de conhecimentos científicos e culturais e estimular as atividades de pesquisa e formação. Projetos de pesquisa comuns, promoção e participação mútua em atividades científicas e facilitação de intercâmbios entre pesquisadores, doutorandos e pós-doutorandos são alguns dos objetivos do convênio.

Inscrições

Evento público e gratuito | Com inscrição prévia

Não há necessidade de inscrição para assistir à transmissão on-line.

Programação

Folha de Resumos

Evento com transmissão em: http://www.iea.usp.br/aovivo

A Academia Olímpica Internacional e a Universidade

por Rafael Borsanelli - publicado 13/11/2017 11:25 - última modificação 14/11/2017 10:38

Detalhes do evento

Quando

de 27/11/2017 - 09:00
a 27/11/2017 - 12:00

Onde

Auditório Prof. Dr. José Geraldo Massucato (Bloco B) - Escola de Educação Física e Esporte - USP, Av. Prof. Mello Moraes, 65, Butantã, São Paulo

Telefone do Contato

(11) 3091-8798

Adicionar evento ao calendário

O Simpósio tem a finalidade de discutir a importância e a mecânica de participação de graduandos e pós-graduandos nos eventos realizados na Academia Olímpica Internacional (AOI) como o Seminário de Pós-Graduação e a Sessão de Educadores.

A ideia é viabilizar o desenvolvimento de estudos olímpicos, bem como fazer a aproximação da Academia com a Universidade, que é a grande fomentadora no envio de alunos a Olímpia. Os convidados vão mostrar a preparação acadêmica que a AOI oferece para a comunidade universitária internacional e estarão à disposição para responder questionamentos dos presentes.

Expositores

Konstantinos Georgiadis (Academia Olímpica Internacional)

Roberto Maluf Mesquita (UNILASALLE)

Coordenadora

Katia Rubio (EEFE e IEA - USP)

Inscrições

Evento público e gratuito | Em inglês sem tradução | Sem inscrição

Organização

Escola de Educação Física e Esportes (EEFE-USP)

Instituto de Estudos Avançados (IEA)

Desafios para uma Amazônia Sustentável

por Cláudia Regina - publicado 18/10/2017 11:24 - última modificação 18/10/2017 11:24

Detalhes do evento

Quando

de 27/11/2017 - 09:00
a 30/11/2017 - 13:00

Onde

Vide Programação

Nome do Contato

Telefone do Contato

11 3091-1686

Adicionar evento ao calendário

Inscrições

Evento público, gratuito e com inscrição prévia

Público online, não há necessidade de inscrição

Organização

IDS - Instituto Democracia e Sustentabilidade

EACH - Escola de Arte e Ciências Humanas/USP

Grupo de Pesquisa Políticas Públicas, Territorialidades e Sociedade, IEA/USP

Programação

1. Conjuntura Atual

2. Recursos Genéticos

3. Amazonias Nacionais

4. Movimentos Sociais e Políticas Inclusiva

 

(aguardando informações detalhadas)

Evento com transmissão em: http://www.iea.usp.br/aovivo

Exposições 6 - "1ª Exposição Nacional de Arte Concreta" e "1ª Exposição Nacional de Arte Neoconcreta"

por Sandra Sedini - publicado 07/07/2017 10:35 - última modificação 21/11/2017 11:17

Detalhes do evento

Quando

de 28/11/2017 - 14:30
a 28/11/2017 - 17:30

Onde

Sala de Eventos do IEA, Rua da Praça do Relógio, 109, Bloco K, 5° andar, Butantã, São Paulo

Nome do Contato

Telefone do Contato

11 3091-1678

Adicionar evento ao calendário

Ciclo "Cultura, Institucionalidade e Gestão"

A programação do ciclo consiste em quatro etapas que pretendem fornecer um panorama crítico, atual e histórico da formação de uma estrutura cultural na cidade de São Paulo, pelo ponto de vista da gestão cultural em instituições e terá como foco

  1. as relações entre arte, cultura e política,
  2. o perfil de instituições culturais que fazem diferença na estrutura cultural de uma cidade como São Paulo,
  3. a contribuição de certos gestores culturais na consolidação de um campo cultural no Brasil e
  4. o papel das exposições na representação cultural de um Brasil contemporâneo.
Por meio de uma dinâmica discursiva e reflexiva em interação direta com importantes equipamentos culturais da cidade e seus principais agentes, a programação  pretende assim oferecer um amplo e crítico panorama da situação da cultura no Brasil pelo viés da gestão cultural em instituições e organismos de representação cultural.

Esta  atividade dá continuidade ao ciclo com o retrospecto da carreira de Ricardo Ohtake como dirigente cultural na cidade de São Paulo. Ela corresponde a uma trajetória de vida dedicada às artes e à cultura, iniciada no Departamento de Informação e Documentação Artísticas (IDART) da Secretaria Municipal de Cultural no final da década de 1970, quando Ricardo Ohtake liderou o projeto de organização do Centro Cultural São Paulo (CCSP), sendo seu primeiro diretor. De lá para cá, foi Secretário da Cultura do Estado de São Paulo, Secretário do Verde e do Meio Ambiente da Prefeitura de São Paulo e diretor do do Museu da Imagem e do Som e da Cinemateca Brasileira. Atualmente dirige o Instituto Tomie Ohtake.

Expositor

João Bandeira

Coordenador

Ricardo Ohtake

Inscrições

Evento público e gratuito | Sem inscrição prévia

Capacidade da sala: 50 lugares

Programação

Acesse a programação completa aqui

Evento com transmissão em: http://www.iea.usp.br/aovivo

Modelos Curriculares para o Ensino de Jornalismo em Graduação

por Cláudia Regina - publicado 04/08/2017 10:15 - última modificação 01/11/2017 10:01

Detalhes do evento

Quando

de 29/11/2017 - 14:00
a 29/11/2017 - 17:00

Onde

Sala de Eventos do IEA, Rua Praça do Relógio, 109, bl. K, 5° andar, Cidade Universitária, São Paulo

Nome do Contato

Telefone do Contato

11 3091-1686

Adicionar evento ao calendário

Serão discutidos os avanços e bloqueios nas diretrizes do MEC.

Inscrições

Evento público, gratuito, sem inscrição.

Público online, não há necessidade de se inscrever

Programação

Expositores:

Manuel Carlos Chaparro (ECA-USP)

Ciro Marcondes Filho (ECA-USP)

 

Debatedores:

Eugênio Bucci (ECA e IEA-USP) - a confirmar

Vitor Blotta (ECA e IEA-USP) - a confirmar

Evento com transmissão em: http://www.iea.usp.br/aovivo

Ciclo Intervenção Social e Conhecimento Científico: Redes Sociais e Movimentos Coletivos (décimo terceiro seminário)

por Sandra Sedini - publicado 17/07/2017 17:10 - última modificação 24/08/2017 17:50

Detalhes do evento

Quando

de 30/11/2017 - 14:00
a 30/11/2017 - 17:00

Onde

Instituto de Psicologia, Bloco F, sala 36, Butantã, São Paulo

Nome do Contato

Adicionar evento ao calendário

Debate final: O que é a Intervenção Social no Contexto do Conhecimento Teórico?

A emergência das ciências processuais aplicadas à leitura e à interpretação da realidade natural e social colocou novas questões de método que se consolidaram sob a forma de problemas epistemológicos contemporâneos - verdade científica x verdade histórico-literária.

Por outro lado, o surgimento dos métodos da engenharia, como especialidades teóricas da prática, gerou as condições para a emergência de uma tecnologia científica, subordinando processo científico e social a processo produtivo. Dessa forma, a intervenção sobre problemas sociais como solução metodológica reflete a ruptura de hegemonia de modelos epistemológicos produzidos pela difusão mercantilizada do conhecimento científico gerado nas ciências processuais.

Sob tal perspectiva, os treze seminários do ciclo proposto pretende promover, mediante estudos das questões apontadas, a compreensão crítica de relações entre conhecimento científico e vida social como condicionantes de projetos alternativos de Futuro, mediados por, e comprometidos com sistemas arbitrários de valores de verdade, em difusão midiática e tecno-eletrônica.

Expositora:

Eda Tassara

Material de Referência:

ADAMS, H.; SEARLE, L. (org.) Critical Theory, vol. I e II [vol. I: Since 1965. Florida, University Presses of Florida, 1986 ; vol. II: Since Plato. Boston, Thomson Wadsworth, 2005].
PINTO, A. V. O Conceito da Tecnologia, vol. I e II. Rio de Janeiro, Ed. Contraponto, 2005.
STANDING, G. O Precariado. A nova classe perigosa. Trad. Cristina Antunes. São Paulo, Autêntica Editora, 2013.
CANETTI, E. Massa e Poder. São Paulo: Companhia das Letras, 1995.
MOSCOVICI, S. L’Âge de foules. Um traité historique de psychologie des masses. Paris: Foyard, 1981 [La era de las multitudes. Um tratado histórico de psicologia de las masas. México: FCE, 1985].
SILVA, F. M. A trans-historicidade do conhecimento científico na crítica sócio-epistemológica da ciência de Pierre Bordieu. Tese de Doutorado, PUC São Paulo, 2017
VARGAS, M. A história da matematização da natureza. Estudos Avançados, 10(28), 1996, pp. 249-276

Inscrições

Evento público e gratuito | Sem inscrição

Programação

17/08

O que é a tecnologia? Arte, ciência e técnica

24/08

Tecnologia científica: tradição e conhecimento

31/08

A construção histórica do sistema científcio-tecnológico: a big Science e o domínio político do conhecimento

14/09

O desvelamento teórico da realidade: filosofia, sabedoria, linguagem e pensamento

21/09

Épisteme theoritiké: identidade, não contradição e terceiro excluído.

28/09

O pensamento e o método lógico: a crítica entre verdades e falsidades e o cotejamento com os fatos

05/10

A crítica metódica e seus procedimentos: da geometria e aritmética no cálculo e descrição de fenômenos à matematização da natureza

19/10

Interfaces conhecimento, ciência e sociedade: a emergência da engenharia e o encontro da invenção com a imaginação utópica na modernidade

26/10

versus distopias na luta política pelo futuro histórico

09/11

Civilização e cultura: globalização, mundialização e seus confrontos  no âmago psicossocial do político

16/11

A trans-historicidade do conhecimento científico e a construção das estruturas lógico-matemáticas: a contemporaneidade para além do senso-comum

23/11

Massa e Poder no século XXI. Redes como estrutura algébrica e sua disponibilização como instrumento tecnológico: ordem e decisão nas operações estratégicas de manipulação das informações

30/11

Debate final: O que é a intervenção social no contexto do conhecimento teórico?

Pluralidade e Ambiguidades da Condição Humana

por Sandra Sedini - publicado 21/11/2017 11:40 - última modificação 21/11/2017 11:47

Detalhes do evento

Quando

de 04/12/2017 - 09:00
a 04/12/2017 - 17:00

Onde

Sala de eventos do IEA, Rua da Praça do Relógio, 109, Bloco K, 5° andar, Butantã, São Paulo

Nome do Contato

Adicionar evento ao calendário

Iniciada em 2015, a série Strategic Workshops já promoveu 29 encontros em áreas estratégicas e de reconhecida excelência na Universidade de São Paulo. O evento reúne pesquisadores da USP em torno de temas transdisciplinares e o objetivo é mapear expertises e promover novos arranjos de pesquisas entre os próprios pesquisadores da Universidade.

Inscrições

Evento público e gratuito | Com inscrição prévia

Não há necessidade de inscrição para assistir à transmissão on-line.

Onde estamos

Apoio

Programação

Aguardando informações

Evento com transmissão em: http://www.iea.usp.br/aovivo

VI Seminário Internacional Fronteiras, Negociação Política e Cultura da Paz no Conesul

por Cláudia Regina - publicado 03/08/2017 09:23 - última modificação 03/08/2017 09:23

Detalhes do evento

Quando

de 04/12/2017 - 09:00
a 08/12/2017 - 18:00

Onde

Sala de Eventos do IEA, Rua Praça do Relógio, 109, bl. K, 5º andar, Cidade Universitária, São Paulo, SP

Nome do Contato

Telefone do Contato

11 3091-1686

Participantes

Vide Programação

Adicionar evento ao calendário

Aguardando informação.

Inscrições

Evento público, gratuito, com inscrição prévia

Público online não há necessidade de inscrição

Organização

Escola de Artes e Ciências Humanas (EACH-USP)

Instituto de Estudos Avançados (IEA-USP)

Programação

Dia 04/12/2017

Mesa 1 – Fronteiras, Negociação Política e Cultura de Paz

14 às18h

Alessandro Soares da Silva (IEA /USP - Brasil)

Neli Aparecida de Mello-Théry (IEA/USP - Brasil)

Carlos Sixirei Paredes (UVIGO - Espanha)

Nelson Molina Valéncia (UNIVALLE – Colômbia)

 

Dia 05/12/2017

Mesa 2 - Cultura de Paz e o Processo de Pacificação na Colômbia

09:00 as 12:00

 

Mesa 3 – Negociação Política e Questões de Fronteiras na Região Centro-Sul Andina

14:30 as 18:00

 

Dia 06/12/2017

Reunião com estrangeiros

09 as 12

Mesa 4 – Movimentos Sociais, Migração e as Dinâmicas Locais e globais em tempos de Crise

14:00-18:00

 

Dia 07/12/2017

Mesa 5 – Conflitos, Migrações e Deslocamentos Idenitários

14:00 as 18:00

  • Bibiana Graeff (USP – Brasil)
  • José Renato de Campos Araújo (USP – Brasil)
  • Juan Carlos Romero Romero (UTA - Chile)
  • Taeko Toma (Brasil)
  • Silvina Alejandra Brussino (UNC – Argentina)

 

Mesa 6 – A Migração na Ótica das Mulheres Migrantes

19:00-21:30

 

Dia 08/12/2017

Reunião de trabalho com estrangeiros e equipe do IEA.

 

Evento com transmissão em: http://www.iea.usp.br/aovivo

Ampliação da Conectividade: Quais os Critérios para Estabelecer Corredores Ecológicos por Meio da Restauração e Gestão da Paisagem?

por Sandra Sedini - publicado 16/11/2017 17:40 - última modificação 16/11/2017 17:40

Detalhes do evento

Quando

de 05/12/2017 - 14:00
a 07/12/2017 - 14:00

Onde

Antiga sala do Conselho Universitário, Rua da Praça do Relógio, 109, térreo, Butantã, São Paulo

Nome do Contato

Telefone do Contato

11 3091-1678

Adicionar evento ao calendário

Aguardando informações

Somente as palestras serão transmitidas

Inscrições

Evento fechado.

Somente as palestras serão transmitidas

Apoio

IEA

Programação

PROGRAMAÇÃO PRELIMINAR

Dia 5

14h

Abertura

Horst Freiberg (BMUB)

José Pedro de Oliveira Costa (MMA)

Everton Lucero (MMA) - a confirmar

Paulo Saldiva (IEA USP) – a confirmar

Marcio Dionisio (IUCN)

Adriana Moreira (Banco Mundial)

14h30

Conectividade Ecológica e Restauração de Paisagens no próximo Plano Estratégico da CDB

Braulio Dias (UnB/Brasil)

Painéis de Discussão / Mesas Redondas

15h

Restauração de Paisagens: Caso do Espírito Santo – Brasil

Aladim Cerqueira (Secretaria de Meio Ambiente do Estado do Espírito Santo /Brasil)

Debatedores: Rachel Biderman (WRI/Brasil)

Dario Manldenburguer (SEAM/Paraguay)

 

Intervalo

16h

Painéis de Discussão / Mesas Redondas

16h30

Conectividade Ecológica

Leandro Tambosi (UFABC/Brasil)

Debatedores: Mario Lopez/Martin Von Hildebrand (MADS/Colômbia) Pedro Gamboa (SERNANP/Peru)

Painéis de Discussão / Mesas Redondas

17h30

Corredores Mesoamericanos: lições aprendidas

German Aguilar Vega (SINAC/Costa Rica)

Debatedores: Viviana Martinez Salas (Parques Nacionales/Colômbia) Santiago D’Alessio (Ministerio de Ambiente y Desarrollo Sustentable/Argentina) – a confirmar

18h30

Coquetel de boas-vindas

Dia 6

 

9h

Apresentação do texto base para os trabalhos em grupos

Grupo 1 - Fabio Scarano (FBDS/Brasil)

Grupo 2 - Bernardo Strassburg (IIS/ Brasil)

Grupo 3 - Grethel aguilar (IUCN/Costa Rica) – a confirmar

9h30 às 18h

Intervalo para almoço:

12h30 às 13h30

 

1) Escala Local: Integração entre conservação e agricultura por meio da adoção de boas práticas, aumento da conectividade ecológica e gestão da paisagem; Texto Base: Fabio Scarano (FBDS/Brasil)

2) Escala Subnacional/Nacional: Dinâmica do uso da terra: aumento da produtividade e menor uso da terra, controle do desmatamento, restauração de paisagens e estabelecimento de corredores ecológicos; Texto Base: Bernardo Strassburg (IIS/ Brasil)

3) Escala e redes multinacionais - Melhorando a comunicação, coordenação e cooperação entre países. Texto Base: Grethel aguilar (IUCN/Costa Rica) – a confirmar

Dia 7

 

9h

Discussão dos Grupos de Trabalho

11h

Sessão de Encerramento

Comentários do Seminário – Braulio Dias (UnB/Brasil)

11h30

Considerações Finais

José Pedro (MMA/Brasil)

Mauricio Brusadin (SEMA-SP/Brasil)

Fabio Feldmann – a confirmar

Adriana Moreira (BM/Brasil)

12h

Intervalo para almoço

Evento com transmissão em: http://www.iea.usp.br/aovivo

A Parceria da Conservação-Restauração com as Ciências Naturais

por Sandra Sedini - publicado 09/10/2017 11:10 - última modificação 17/11/2017 11:25

Detalhes do evento

Quando

de 15/12/2017 - 10:00
a 15/12/2017 - 12:00

Onde

Sala de Eventos do IEA, Rua da Praça do Relógio, 109, Bloco K, 5° andar, Butantã, São Paulo

Nome do Contato

Telefone do Contato

11 3091-1678

Adicionar evento ao calendário

Mesas-Redondas em Conservação e Restauração

O objetivo principal deste conjunto de debates é reunir especialistas de diversas áreas da conservação e restauração de bens culturais, tais como museólogos, conservadores, restauradores, curadores e cientistas da conservação, para discutir tópicos de relevância com transmissão online e participação em tempo real dos espectadores, permitindo acesso e participação o mais abrangente e democrático possível.

As atuações na área da conservação-restauração são de caráter inter e transdisciplinar, sendo que um dos maiores desafios a ser superado é a dificuldade de comunicação e troca de conhecimento e experiência entre diferentes profissionais e grupos que nelas atuam. Esse desafio se concentra, em parte, no fato de existirem poucos canais de comunicação com abrangência territorial que seja condizente com o tamanho de nosso país, o que torna a formação e atualização de conhecimento pouco acessíveis a diversos profissionais.

Dessa maneira, numa contemporaneidade em que as informações são transmitidas a elevadas velocidades, iniciativas oferecendo melhor acessibilidade ao conhecimento e compartilhamento de experiências são necessárias e urgentes. Com isso em vista, portanto, que este projeto reúne um conjunto de debates na forma de mesas-redondas permitindo que internautas de todo o país os acompanhe em tempo real e, principalmente, enviem perguntas, sugestões e comentários também ao vivo.

Público alvo

Conservadores, restauradores, curadores, museólogos, químicos, físicos, biólogos, engenheiros, cientistas da conservação, produtores e gestores culturais, alunos de graduação e pós, funcionários de equipes culturais, entre outros.

Organizadores: Carlos Zeron, Isis Baldini, Martin Grossmann, Teresa C. T. de Paula, Thiago S. Puglieri.

Expositores

Dalva Lúcia Araújo de Faria (IQ-USP)

Maria Luisa Otero D'Almeida (IPT)

Ariane S. Lavezzo (MAC-USP)

Camila Vitti Mariano (Pinacoteca do Estado de São Paulo)

Mediador

Thiago S. Puglieri (DMCOR-UFPEL)

Relatora Crítica

Nathália D'Elboux Bernardino

Inscrições

Somente serão necessárias para participação presencial e a seleção será por ordem de inscrição, sendo condicionada à capacidade do auditório. As inscrições para a primeira mesa ocorrerá de 04 a 10/12, através do e-mail mesas.conservacaoerestauro@gmail.com

Os resultados serão enviados por e-mail até 11/12.

Evento público e gratuito.

Capacidade da sala: 50 lugares

Onde estamos

Evento com transmissão em: http://www.iea.usp.br/aovivo