Você está aqui: Página Inicial / EVENTOS / Ciclo UrbanSus: Sustentabilidade Urbana - Sustentabilidade nas Cidades

Ciclo UrbanSus: Sustentabilidade Urbana - Sustentabilidade nas Cidades

por Sandra Sedini - publicado 26/04/2018 15:30 - última modificação 06/08/2018 15:46

Detalhes do evento

Quando

de 12/06/2018 - 08:30
a 13/06/2018 - 18:00

Onde

Auditório do IEA, Rua da Praça do Relógio, 109, Cidade Universitária, São Paulo

Nome do Contato

Telefone do Contato

11 3091-1678

Adicionar evento ao calendário

Alinhado aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável - ODS da ONU, o Ciclo de Seminários UrbanSus: Sustentabilidade Urbana tem por objetivo refletir sobre o papel das cidades e o estímulo para boas práticas compartilhando soluções sustentáveis urbanas, por meio de tecnologias sociais, ambientais e urbanas inovadoras. Há a necessidade de soluções efetivas, acessíveis, equitativas e duráveis para desafios mais urgentes, envolvendo mobilidade, segurança hídrica, energia, saneamento ambiental, áreas verdes, segurança alimentar, rápida urbanização e suas complexas interações com as mudanças globais e a falta de acesso a serviços por grande parte da população.

O ciclo é promovido pelo Programa USP Cidades Globais, sediado no Instituto de Estudos Avançados, em conjunto com a Faculdade de Saúde Pública e o Instituto de Biociências, da Universidade de São Paulo, com o propósito de contribuir para maior compreensão e propagação da temática da sustentabilidade entre academia, sociedade e setor público, como estímulo à construção de uma cultura da sustentabilidade. Esta construção envolve o fomento, a formulação e a implementação de políticas públicas de forma intersetorial e sistêmica na direção do desenvolvimento sustentável das áreas urbanas, levando em consideração as necessárias interrelações entre ambiente, sociedade e uma nova economia.

Atualmente mais da metade da população mundial vive em áreas urbanas, o que faz com que suas taxas de produção e consumo sejam muito elevadas, aumentando exponencialmente a demanda por serviços ecossistêmicos e consequentemente seu impacto ambiental. Ocupando menos de 2% da área terrestre em 2015, as áreas urbanas concentravam 80% da produção econômica, entre 60 e 80% do consumo de energia, aproximadamente 75% das emissões de CO² (PNUMA, 2011 apud Habitat-III, 2015), e sua “pegada aquática” correspondia a cerca de 41% da superfície da Terra (McDonald, 2014 apud ONU-Habitat III, 2015).

Além dos problemas ambientais, as cidades apresentam grandes problemas socioeconômicos. As desigualdades socioeconômicas são multideterminadas e retroalimentadas por diferentes fatores como escolaridade, raça, gênero, idade, classe, nacionalidade, entre outros, que afetam o acesso a serviços públicos e privados e a direitos sociais como educação, moradia, saúde e mobilidade. A desigualdade no acesso a terra e a “favelização” de grande número de pessoas são responsáveis por grandes impactos ambientais e a destruição de ecossistemas, seja pela ocupação de regiões inapropriadas como áreas de bacias hidrográficas, pelo não acesso aos serviços básicos de saneamento ou pelo inadequado atendimento às necessidades de controle ambiental. Em 2015, um terço dos habitantes urbanos no mundo em desenvolvimento (863 milhões de pessoas) viviam em condições similares às das favelas (ONU-Habitat III, 2015).

Um dos principais, senão o principal motivo, dos grandes impactos ambientais que são encontrados e da crescente desigualdade social, foi a crença no desenvolvimento apenas enquanto crescimento, uma interpretação unidimensional que acabou por gerar uma visão não integrada entre as áreas urbanas e ambiental e por desconsiderar a necessidade de promover a igualdade de renda e acesso a serviços essenciais de qualidade para todos sem distinção e o enfrentamento das discriminações sociais. Este paradigma unidimensional está aos poucos sendo alterado por paradigmas multidimensionais de desenvolvimento do qual os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável 2030 são o principal expoente. Como consequência, esta visão precisa ser amplamente debatida e disseminada em todas as regiões com o objetivo de serem encontrados equacionamentos e soluções específicas às suas respectivas necessidades.

O Seminário Sustentabilidade nas Cidades é o primeiro evento do Ciclo de Seminários UrbanSus: Sustentabilidade Urbana, estando programado em 5 painéis, nos quais serão debatidas as seguintes temáticas: (i) contribuição da universidade para a promoção da gestão sustentável das cidades, (ii) impacto da globalização no planejamento urbano, (iii) instrumentos de política, planejamento e gestão urbana: da teoria à prática/ (iv) políticas públicas e gestão para cidades sustentáveis: experiências de cidades brasileiras, (v) avanços com relação a gestão urbana e sustentabilidade.

Comissão organizadora

Amanda Silveira Carbone; Arlindo Philippi Jr.; Debora Sotto; Djonathan Gomes Ribeiro; Gilda Collet Bruna; Lais Fajersztajn; Marcos Buckeridge; Maria da Penha Vasconcellos; Mary Lobas de Castro; Ricardo Young; Sandra Sedini; Sonia Maria Viggiani Coutinho.

RELATORIA

Inscrições

Evento público e gratuito | Com inscrição prévia

Não há necessidade de inscrição para assistir à transmissão on-line.

Capacidade do auditório: 120 pessoas

Onde estamos

Programação

Dia 12

8h30

Abertura

Guilherme Ary Plonski (IEA-USP)

Fabio Kon (FAPESP)

Marcos Buckeridge (USP Cidades Globais)

9h00

Painel I: Universidade e a Gestão Sustentável das Cidades

Helena Ribeiro (PPG Saúde Global e Sustentabilidade) (FSP-USP)

Eugênio Fernandes Queiroga (PPG Arquitetura e Urbanismo FAU-USP)

Lígia Vizeu Barrozo (PPG Geografia Física FFLCH e IEA USP)

Sérgio Pacca (PPG Sustentabilidade EACH-USP)

Ana Paula Fracalanza (PPG Ciência Ambiental IEE-USP)

Moderador

Arlindo Philippi Jr (FSP e IEA USP)

Relatores

Karin Regina de Castro Marins (EP USP) & Carlos Navas (IB USP)

11h00

Painel II:  Globalização e Cidades Sustentáveis

Carlos Nobre (IEA USP)

Marcos Buckeridge (ACIESP, IEA e IB USP)

Renato Luiz Sobral Anelli (IAUSC e IEASC USP)

Moderador

Paulo Pellegrino (FAU USP)

Relatores

Ana Carla Bliacheriene (EACH USP) & Debora Sotto (FSP USP)

13h00

Intervalo

14h30

Painel III: Instrumentos de Política, Planejamento e Gestão Urbana: da teoria à prática

Ivan Carlos Maglio (PPA)

Miguel Bucalem (EP e IEA USP)

Ricardo Young (IEA USP)

Moderador

Pedro Roberto Jacobi (IEE e IEA USP)

Relatores

Alex Kenya Abiko (EP USP) & Maria do Carmo Martins Sobral (UFPE)

Dia 13

9h00

Painel IV: Políticas Públicas e Gestão para Cidades Sustentáveis: Experiências Brasileiras

Gilberto Natalini (Câmara Municipal de São Paulo)

Angela Amin (UNIVALI)

André Fraga (Secretaria de Cidade Sustentável e Inovação de Salvador)

Moderador

Eduardo Marques (FFLCH USP)

Relatores

Denise Duarte (FAU USP) & Paulo Almeida (EACH e SGA-USP)

12h00

Intervalo

14h00

Painel V: Gestão Urbana e Sustentabilidade

  • Gestão Urbana e Sustentabilidade

Gilda Collet Bruna (UP Mackenzie) & Arlindo Philippi Jr (FSP e IEA USP)

  • O livro branco da água

Wagner Costa Ribeiro (IEA e FFLCH USP) & Marcos Buckeridge (IEA e IB USP)

  • A guerra dos lugares: a colonização da terra e da moradia na era das finanças

Raquel Rolnik (FAU USP)

  • Água e sustentabilidade: desafios, perspectivas e soluções

Pedro Roberto Jacobi (IEE USP)

  • Desastres: múltiplas abordagens e desafios

Wanda Risso Günther (FSP USP)

  • Lifelong Learning and Education in Healthy and Sustainable Cities

Marco Akerman (FSP USP)

Moderador

Valdir Fernandes (UTFPR)

Relatores

Carlos Alberto Cioce Sampaio (FURB) & Leandro Giatti (FSP USP)

17h00

Encerramento

Evento com transmissão em: http://www.iea.usp.br/aovivo