Você está aqui: Página Inicial / MIDIATECA / Vídeos

Vídeos

por Mauro Bellesa - publicado 01/08/2013 15:25 - última modificação 27/06/2018 10:27

The Role of Ethics and Governance in Artificial Intelligence - O Papel da Arte na Ética e Governança em Inteligência Artificial

por Sergio R V Bernardo — última modificação 19/09/2019 17:37

Os impactos da inteligência artificial (IA) em nosso cotidiano levantam questões sobre privacidade, manipulação midiática, armas autônomas, uso malicioso de programas e aumento de desemprego, entre outras. A palestrante abordou quem são os principais atores envolvidos nesse campo e a relação da arte com o tema, além de ter apresentado propostas de diretrizes governamentais para a área, oriundas de instituições públicas e privadas que encabeçaram as discussões sobre a ética da IA.

The Role of Ethics and Governance in Artificial Intelligence - O Papel da Arte na Ética e Governança em Inteligência Artificial - Leia mais…

O Matriarcado de Pindorama - A Impossibilidade do Silêncio

por Sergio R V Bernardo — última modificação 19/09/2019 16:19

O tema do 8º encontro da "Jornada Relações do Conhecimento entre Arte e Ciência: Gênero, Neocolonialismo e Espaço Sideral" foi a rica participação feminina na arte brasileira. Para os organizadores, esse aspecto diferencia a cultura do país se comparada com outras sociedades. O seminário reuniu mulheres dos mais diversos campos de expressão.

O Matriarcado de Pindorama - A Impossibilidade do Silêncio - Leia mais…

Lazzaro Spallanzani e a Filosofia Natural na Itália no Século XVIII

por Sergio R V Bernardo — última modificação 19/09/2019 16:51

O seminário tratou das pesquisas de Lazzaro Spallanzani, cientista do século 18 que realizou experimentos sobre a origem dos “animálculos” das infusões. Como comparação, foi analisada também as pesquisas de John Needham, que apontavam para resultados diferentes de Spallanzani.

Lazzaro Spallanzani e a Filosofia Natural na Itália no Século XVIII - Leia mais…

Patrimônio Cifrado: A Circulação de Modelos nas Missões Jesuíticas na América do Sul - Parte 2 de 2

por Sergio R V Bernardo — última modificação 19/09/2019 16:01

A pesquisadora Giovanna Rosso del Brenna, da Universidade de Gênova, abordou a questão do modelo de aldeia planejado pelos jesuítas em suas missões na América do Sul. A princípio, o estudo do tema pode indicar que os jesuítas consideravam a questão pouco importante, mas o modelo, na verdade, é complexo e incorpora referências de experiências indígenas, dos conquistadores e da tradição medieval.

Patrimônio Cifrado: A Circulação de Modelos nas Missões Jesuíticas na América do Sul - Parte 2 de 2 - Leia mais…

Da Fragilidade, da Falta de Rigor, dos Enganos da Ciência e do Falseamento da Paisagem

por Sergio R V Bernardo — última modificação 19/09/2019 16:16

Com a presença de pesquisadores e artistas plásticos, o 7º encontro da "Jornada Relações do Conhecimento entre Arte e Ciência: Gênero, Neocolonialismo e Espaço Sideral" discutiu como a ciência, em especial a pseudo-ciência, tem situações de falhas e equívocos e como os artistas exploram esses momentos de dificuldade de saber.

Da Fragilidade, da Falta de Rigor, dos Enganos da Ciência e do Falseamento da Paisagem - Leia mais…

As Ignorâncias Humanas na Perspectiva Evolucionista

por Sergio R V Bernardo — última modificação 19/09/2019 16:12

A exposição partiu do princípio que o evolucionismo pode ajudar a entender algumas instâncias da irracionalidade e ignorância humana. Um exemplo são as faculdades psicológicas adaptadas a aspectos específicos do modo de vida caçador-coletor ancestral que geram raciocínios e decisões disfuncionais quando ativadas fora de seu contexto original. O anti-intelectualismo também foi tema de discussão, uma vez que pode pode estar enraizado em orientações tribalistas que visam à proteção do grupo, ativados pelo medo e perigo de contágio.

As Ignorâncias Humanas na Perspectiva Evolucionista - Leia mais…

Simpósios USP Cidades Globais 2019 (7º encontro)

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 11:26

Representantes do Instituto Camila e Luiz Taliberti, criado em homenagem a vítimas fatais do rompimento da barragem em Brumadinho, Minas Gerais, fizeram uma exposição em que apresentaram a entidade e abordaram detalhes da tragédia, como o despreparo e incapacidade de resposta da Justiça e do Estado, além das responsabilidades da Vale no caso.

Simpósios USP Cidades Globais 2019 (7º encontro) - Leia mais…

Patrimônio Cifrado: A Circulação de Modelos nas Missões Jesuíticas na América do Sul - Parte 1 de 2

por Sergio R V Bernardo — última modificação 19/09/2019 16:01

A pesquisadora Giovanna Rosso del Brenna, da Universidade de Gênova, abordou a questão do modelo de aldeia planejado pelos jesuítas em suas missões na América do Sul. A princípio, o estudo do tema pode indicar que os jesuítas consideravam a questão pouco importante, mas o modelo, na verdade, é complexo e incorpora referências de experiências indígenas, dos conquistadores e da tradição medieval.

Patrimônio Cifrado: A Circulação de Modelos nas Missões Jesuíticas na América do Sul - Parte 1 de 2 - Leia mais…

História dos Saberes Psicológicos na Cultura Brasileira - Parte 6 de 6

por Sergio R V Bernardo — última modificação 19/09/2019 16:05

O curso abordou os aspectos da história dos saberes psicológicos na cultura brasileira, ou seja, o estudo de aspectos das visões do mundo relacionados a conceitos e práticas psicológicos. Tais saberes são reconstruídos através de investigações históricas que focam fontes, objetos, métodos e atores do processo de construção de conhecimentos e práticas psicológicas no Brasil. O recorte temporal abarcou o período do século XVI ao fim do século XVIII.

História dos Saberes Psicológicos na Cultura Brasileira - Parte 6 de 6 - Leia mais…

História dos Saberes Psicológicos na Cultura Brasileira - Parte 5 de 6

por Sergio R V Bernardo — última modificação 19/09/2019 16:05

O curso abordou os aspectos da história dos saberes psicológicos na cultura brasileira, ou seja, o estudo de aspectos das visões do mundo relacionados a conceitos e práticas psicológicos. Tais saberes são reconstruídos através de investigações históricas que focam fontes, objetos, métodos e atores do processo de construção de conhecimentos e práticas psicológicas no Brasil. O recorte temporal abarcou o período do século XVI ao fim do século XVIII.

História dos Saberes Psicológicos na Cultura Brasileira - Parte 5 de 6 - Leia mais…

História dos Saberes Psicológicos na Cultura Brasileira - Parte 4 de 6

por Sergio R V Bernardo — última modificação 19/09/2019 16:05

O curso abordou os aspectos da história dos saberes psicológicos na cultura brasileira, ou seja, o estudo de aspectos das visões do mundo relacionados a conceitos e práticas psicológicos. Tais saberes são reconstruídos através de investigações históricas que focam fontes, objetos, métodos e atores do processo de construção de conhecimentos e práticas psicológicas no Brasil. O recorte temporal abarcou o período do século XVI ao fim do século XVIII.

História dos Saberes Psicológicos na Cultura Brasileira - Parte 4 de 6 - Leia mais…

História dos Saberes Psicológicos na Cultura Brasileira - Parte 3 de 6

por Sergio R V Bernardo — última modificação 19/09/2019 16:04

O curso abordou os aspectos da história dos saberes psicológicos na cultura brasileira, ou seja, o estudo de aspectos das visões do mundo relacionados a conceitos e práticas psicológicos. Tais saberes são reconstruídos através de investigações históricas que focam fontes, objetos, métodos e atores do processo de construção de conhecimentos e práticas psicológicas no Brasil. O recorte temporal abarcou o período do século XVI ao fim do século XVIII.

História dos Saberes Psicológicos na Cultura Brasileira - Parte 3 de 6 - Leia mais…

História dos Saberes Psicológicos na Cultura Brasileira - Parte 2 de 6

por Sergio R V Bernardo — última modificação 19/09/2019 16:04

O curso abordou os aspectos da história dos saberes psicológicos na cultura brasileira, ou seja, o estudo de aspectos das visões do mundo relacionados a conceitos e práticas psicológicos. Tais saberes são reconstruídos através de investigações históricas que focam fontes, objetos, métodos e atores do processo de construção de conhecimentos e práticas psicológicas no Brasil. O recorte temporal abarcou o período do século XVI ao fim do século XVIII.

História dos Saberes Psicológicos na Cultura Brasileira - Parte 2 de 6 - Leia mais…

História dos Saberes Psicológicos na Cultura Brasileira - Parte 1 de 6

por Sergio R V Bernardo — última modificação 19/09/2019 16:03

O curso abordou os aspectos da história dos saberes psicológicos na cultura brasileira, ou seja, o estudo de aspectos das visões do mundo relacionados a conceitos e práticas psicológicos. Tais saberes são reconstruídos através de investigações históricas que focam fontes, objetos, métodos e atores do processo de construção de conhecimentos e práticas psicológicas no Brasil. O recorte temporal abarcou o período do século XVI ao fim do século XVIII.

História dos Saberes Psicológicos na Cultura Brasileira - Parte 1 de 6 - Leia mais…

Guerras Híbridas: Uso Maligno do Conhecimento - Parte 2 de 2

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 11:01

A expressão "Guerras Híbridas" se relaciona com o estudo de estratégias bélico-militares que utilizam como arma "a retórica desestabilizadora de memórias", segundo a física Eda Tassara. Nesta conferência, ela abordou este tema, que envolve, por exemplo, distribuição de fake news e uso de big data. "É oposto do Iluminismo; o sequestro do conhecimento por um projeto político-econômico", define a pesquisadora.

Guerras Híbridas: Uso Maligno do Conhecimento - Parte 2 de 2 - Leia mais…

Guerras Híbridas: Uso Maligno do Conhecimento - Parte 1 de 2

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 11:31

A expressão "Guerras Híbridas" se relaciona com o estudo de estratégias bélico-militares que utilizam como arma "a retórica desestabilizadora de memórias", segundo a física Eda Tassara. Nesta conferência, ela abordou este tema, que envolve, por exemplo, distribuição de fake news e uso de big data. "É oposto do Iluminismo; o sequestro do conhecimento por um projeto político-econômico", define a pesquisadora.

Guerras Híbridas: Uso Maligno do Conhecimento - Parte 1 de 2 - Leia mais…

Crime Organizado e Corrupção na Visão de Pesquisadores e Agentes Públicos - Parte 2 de 2

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 11:01

Pesquisadores e agentes públicos se reuniram para analisar e debater as características do crime organizado e da corrupção no Brasil. Com base em diferentes estratégias de pesquisa e experiências concretas à frente de cargos públicos, os expositores, entre eles dois ex-ministros, também abordaram o papel de órgãos de justiça e das instituições políticas nessas áreas.

Crime Organizado e Corrupção na Visão de Pesquisadores e Agentes Públicos - Parte 2 de 2 - Leia mais…

Crime Organizado e Corrupção na Visão de Pesquisadores e Agentes Públicos - Parte 1 de 2

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 11:01

Pesquisadores e agentes públicos se reuniram para analisar e debater as características do crime organizado e da corrupção no Brasil. Com base em diferentes estratégias de pesquisa e experiências concretas à frente de cargos públicos, os expositores, entre eles dois ex-ministros, também abordaram o papel de órgãos de justiça e das instituições políticas nessas áreas.

Crime Organizado e Corrupção na Visão de Pesquisadores e Agentes Públicos - Parte 1 de 2 - Leia mais…

Amazônia: Povos e Projetos

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 11:17

Pesquisadores que viajaram pelo estado de Roraima conhecendo comunidades ribeirinhas apresentaram suas impressões e o que consideram como as principais ameaças ao estilo de vida dessas populações. Professores de universidades federais de Roraima, Rondônia e Ceará, eles afirmam que as interferências do homem na região Amazônica, principalmente na forma de desmatamentos e queimadas, já causam danos imediatos e visíveis à integridade física das comunidades e aos ciclos econômicos baseados em coleta, pesca e cultivo de mandioca.

Amazônia: Povos e Projetos - Leia mais…

Escola, Diversidade e Equidade - Parte 2 de 2

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 11:36

O ciclo "A Escola: Espaços e Tempos das Ações Docentes" é centrado na profissão e na formação de professores, bem como na escola e suas funções de condução da aprendizagem, vivência e produção cultural, protagonismo comunitário e inclusão social. Neste 1º encontro, os temas diversidade e equidade foram articulados com as práticas educativas e o papel da escola.

Escola, Diversidade e Equidade - Parte 2 de 2 - Leia mais…

Escola, Diversidade e Equidade - Parte 1 de 2

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 11:31

O ciclo "A Escola: Espaços e Tempos das Ações Docentes" é centrado na profissão e na formação de professores, bem como na escola e suas funções de condução da aprendizagem, vivência e produção cultural, protagonismo comunitário e inclusão social. Neste 1º encontro, os temas diversidade e equidade foram articulados com as práticas educativas e o papel da escola.

Escola, Diversidade e Equidade - Parte 1 de 2 - Leia mais…

Arte, Música, Física e Psicanálise

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 11:00

O 6° encontro da "Jornada Relações do Conhecimento entre Arte e Ciência: Gênero, Neocolonialismo e Espaço Sideral" discutiu as possibilidades de interdisciplinaridade entre conhecimentos diversos. Da física à biologia sintética e dos acordes musicais ao texto escrito, assim como suas relações intrínsecas com a psicanálise, que tem sua origem em Freud.

Arte, Música, Física e Psicanálise - Leia mais…

A Coelha e Eu: Arte, Ciência e Tecnologia

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 11:00

O 5° encontro da "Jornada Relações do Conhecimento entre Arte e Ciência: Gênero, Neocolonialismo e Espaço Sideral" abordou inteligência artificial, as origens da cor-luz e a ética no universo da arte e da BioArt - manifestação artística inspirada na biologia que faz uso de moléculas, células, e organismos complexos como invertebrados a vertebrados.

A Coelha e Eu: Arte, Ciência e Tecnologia - Leia mais…

Life in the Cognitive Era

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 10:38

Professor visitante do IEA, Donald Peterson estuda a relação entre humanos e máquinas na era da tecnologia cognitiva (da conectividade, da inteligência artificial e dos robôs) e o desafio de fazer com que ela traga mais benefícios do que prejuízos a áreas como educação, trabalho, negócios e saúde. Segundo ele, todas as tecnologias são "facas de dois gumes", podendo produzir bons e maus efeitos, ou até mesmo ambos concomitantemente, de acordo com a maneira como são usadas.

Life in the Cognitive Era - Leia mais…

Ignorância e Sociedade: Reflexões Filosóficas e Sociológicas sobre a Ignorância

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 10:58

O segundo encontro do ciclo que trata da ignorância abordou as contribuições da filosofia e da sociologia para os estudos do tema. O conferencista falou da relação da ignorância com conceitos próximos a ela, como conhecimento, erro e irrelevância, além das respostas propriamente sociais ao fenômeno.

Ignorância e Sociedade: Reflexões Filosóficas e Sociológicas sobre a Ignorância - Leia mais…

Innovation Diplomacy: an Introduction

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 10:57

Diplomata de carreira e chefe do setor de Energia, Meio Ambiente e Ciência, Tecnologia e Inovação da Embaixada do Brasil em Nova Délhi, na Índia, Pedro Ivo Ferraz da Silva falou em sua exposição sobre sua experiência nas áreas de diplomacia, inovação e tecnologia e da necessidade da academia se atentar ao estudo destes conceitos.

Innovation Diplomacy: an Introduction - Leia mais…

Science Diplomacy As Career

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 11:23

Especialista internacional, conselheira, palestrante e educadora em diplomacia científica, Marga Gual Soler falou de sua experiência na área. Ela trabalha com governos, universidades, ONGs e organizações internacionais para fortalecer vínculos entre ciência e tecnologia.

Science Diplomacy As Career - Leia mais…

Relações do Conhecimento em Dois Artistas Cientistas: (II) Cildo Meireles

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 11:23

As obras do polímata italiano Leonardo da Vinci e do artista plástico brasileiro Cildo Meireles foram tema de discussão do terceiro e do quarto encontros da "Jornada Relações do Conhecimento entre Arte e Ciência: Gênero, Neocolonialismo e Espaço Sideral". Com a premissa de que as trajetórias de Da Vinci e Meireles são marcadas pela interação entre a ciência e a arte, os especialistas convidados trouxeram abordagens históricas, científicas, matemáticas e sociológicas. O segundo dia de debate foi dedicado a Cildo, que esteve presente.

Relações do Conhecimento em Dois Artistas Cientistas: (II) Cildo Meireles - Leia mais…

Relações do Conhecimento em Dois Artistas Cientistas: (I) Leonardo da Vinci

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 11:23

As obras do polímata italiano Leonardo da Vinci e do artista plástico brasileiro Cildo Meireles foram tema de discussão do terceiro e do quarto encontros da "Jornada Relações do Conhecimento entre Arte e Ciência: Gênero, Neocolonialismo e Espaço Sideral". Com a premissa de que as trajetórias de Da Vinci e Meireles são marcadas pela interação entre a ciência e a arte, os especialistas convidados trouxeram abordagens históricas, científicas, matemáticas e sociológicas. O primeiro dia de atividade foi dedicado a Da Vinci.

Relações do Conhecimento em Dois Artistas Cientistas: (I) Leonardo da Vinci - Leia mais…

México Después del “Neoliberalismo”: Los Retos del Cambio

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 11:20

A conferência abordou as propostas de governo de Andrés Manuel López Obrador, que assumiu a presidência do México em dezembro de 2018. Com uma orientação ideológica oposta a seus antecessores, autodenominada "antineoliberal", Obrador prometeu um governo com novas políticas econômicas e sociais. Entre seus desafios, estão a necessidade de reduzir o alto índice de violência no país e de fortalecer a economia.

México Después del “Neoliberalismo”: Los Retos del Cambio - Leia mais…

Divulgação Científica nas Redes Sociais para Melhorar o Diálogo entre Ciência e Sociedade

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 10:57

As redes sociais permitem que a comunidade científica divulgue com rapidez informações diretamente à sociedade e, assim, ajude a combater fake news. Pesquisadora do Laboratório de Estudos Avançados em Jornalismo (Labjor), da Unicamp, Germana Barata defendeu que é dever dos cientistas informar à sociedade sobre a importância da ciência e tecnologia para o desenvolvimento do país.

Divulgação Científica nas Redes Sociais para Melhorar o Diálogo entre Ciência e Sociedade - Leia mais…

Enfrentamento ao Tráfico de Pessoas no Brasil e Estados Unidos

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 11:23

Juízes e promotores de justiça brasileiros e representante do governo americano se reuniram para trocar experiências e conhecimento em relação ao enfrentamento do tráfico de pessoas no Brasil e Estados Unidos. O debate abordou os programas de prevenção, repressão e atendimento às vítimas, bem como as políticas públicas necessárias para combater o tráfico.

Enfrentamento ao Tráfico de Pessoas no Brasil e Estados Unidos - Leia mais…

Las Metrópoles como Espacios Urbanos en Transformación: Entre la Teoria que Explica y las Prácticas que Transforman (Parte 4 de 4)

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 11:23

Com base em estudos de caso de cidades latino-americanas, o seminário abordou as transformações pelas quais os espaços urbanos têm passado e as boas práticas que podem ser adotadas para lidar com conflitos e problemas que surgem à medida que as metrópoles se expandem.

Las Metrópoles como Espacios Urbanos en Transformación: Entre la Teoria que Explica y las Prácticas que Transforman (Parte 4 de 4) - Leia mais…

Las Metrópoles como Espacios Urbanos en Transformación: Entre la Teoria que Explica y las Prácticas que Transforman (Parte 3 de 4)

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 11:22

Com base em estudos de caso de cidades latino-americanas, o seminário abordou as transformações pelas quais os espaços urbanos têm passado e as boas práticas que podem ser adotadas para lidar com conflitos e problemas que surgem à medida que as metrópoles se expandem.

Las Metrópoles como Espacios Urbanos en Transformación: Entre la Teoria que Explica y las Prácticas que Transforman (Parte 3 de 4) - Leia mais…

Las Metrópoles como Espacios Urbanos en Transformación: Entre la Teoria que Explica y las Prácticas que Transforman (Parte 2 de 4)

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 11:22

Com base em estudos de caso de cidades latino-americanas, o seminário abordou as transformações pelas quais os espaços urbanos têm passado e as boas práticas que podem ser adotadas para lidar com conflitos e problemas que surgem à medida que as metrópoles se expandem.

Las Metrópoles como Espacios Urbanos en Transformación: Entre la Teoria que Explica y las Prácticas que Transforman (Parte 2 de 4) - Leia mais…

Las Metrópoles como Espacios Urbanos en Transformación: Entre la Teoria que Explica y las Prácticas que Transforman (Parte 1 de 4)

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 11:21

Com base em estudos de caso de cidades latino-americanas, o seminário abordou as transformações pelas quais os espaços urbanos têm passado e as boas práticas que podem ser adotadas para lidar com conflitos e problemas que surgem à medida que as metrópoles se expandem.

Las Metrópoles como Espacios Urbanos en Transformación: Entre la Teoria que Explica y las Prácticas que Transforman (Parte 1 de 4) - Leia mais…

Arte, Cultura e Ciência e os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável II - Para qual Futuro?

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 11:21

Os dois primeiros encontros da Jornada Relações do Conhecimento entre Arte e Ciência: Gênero, Neocolonialismo e Espaço Sideral, que pretende esmiuçar as relações entre arte e ciência, abordaram a necessidade de pensar o futuro brasileiro e global sob a perspectiva dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS), propostos pela Organização das Nações Unidas. No segundo dia de atividades, discutiu-se questões brasileiras, como os desafios e problemas da educação, mas também desafios globais, como as mudanças climáticas e a necessidade de adaptar a dinâmica econômica mundial para um modelo sustentável.

Arte, Cultura e Ciência e os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável II - Para qual Futuro? - Leia mais…

Arte, Cultura e Ciência e os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável I - As Urgências do Futuro

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 11:21

Os dois primeiros encontros da Jornada Relações do Conhecimento entre Arte e Ciência: Gênero, Neocolonialismo e Espaço Sideral, que pretende esmiuçar as relações entre arte e ciência, abordaram a necessidade de pensar o futuro brasileiro e global sob a perspectiva dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS), propostos pela Organização das Nações Unidas. No primeiro dia de atividades, os desafios e problemas da educação e cultura brasileiras foram o foco da discussão.

Arte, Cultura e Ciência e os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável I - As Urgências do Futuro - Leia mais…

Why People Believe What They Believe

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 10:57

O primeiro seminário do ciclo “O Que a Ignorância Tem a Nos Ensinar?” teve como conferencista Stuart Vyse, especialista em supertição e comportamento irracional. Ao estudar a conexão das pessoas com suas crenças, e perceber que as ações geralmente determinam as crenças, e não o inverso, Vyse formula uma pergunta que baseia seu raciocínio: para o que servem as crenças?

Why People Believe What They Believe - Leia mais…

Neoliberalismo e Macroeconomia

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 10:56

Integrante da equipe que elaborou o Plano Real, o economista André Lara Resende passou a questionar, nos últimos anos, alguns dos pressupostos da teoria econômica que rege a política monetária brasileira. Ele apresentou neste debate suas ideias e alternativas em relação às decisões governamentais sobre juros, inflação e emissão de moeda.

Neoliberalismo e Macroeconomia - Leia mais…

Ciclo UrbanSus - Sustentabilidade Urbana: Inovação em Políticas Públicas Urbanas (Parte 2 de 2)

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 11:21

A complexidade inerente ao desenvolvimento das cidades e ao necessário processo de gestão urbana exige constantes inovações no campo das políticas públicas urbanas para o enfrentamento de desafios cada vez mais urgentes. Soluções efetivas, acessíveis, equitativas e duráveis para problemas urbanos cada vez mais complexos só podem ser desenvolvidas a partir de uma leitura transversal, no campo ambiental, econômico e social, acompanhada pela implementação de novas tecnologias, de práticas urbanas sustentáveis e de novas metodologias e instrumentos de análise urbana. Mais de 20 especialistas trataram deste assunto no 6° encontro do ciclo Urbansus.

Ciclo UrbanSus - Sustentabilidade Urbana: Inovação em Políticas Públicas Urbanas (Parte 2 de 2) - Leia mais…

Ciclo UrbanSus - Sustentabilidade Urbana: Inovação em Políticas Públicas Urbanas (Parte 1 de 2)

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 10:56

A complexidade inerente ao desenvolvimento das cidades e ao necessário processo de gestão urbana exige constantes inovações no campo das políticas públicas urbanas para o enfrentamento de desafios cada vez mais urgentes. Soluções efetivas, acessíveis, equitativas e duráveis para problemas urbanos cada vez mais complexos só podem ser desenvolvidas a partir de uma leitura transversal, no campo ambiental, econômico e social, acompanhada pela implementação de novas tecnologias, de práticas urbanas sustentáveis e de novas metodologias e instrumentos de análise urbana. Mais de 20 especialistas trataram deste assunto no 6° encontro do ciclo Urbansus.

Ciclo UrbanSus - Sustentabilidade Urbana: Inovação em Políticas Públicas Urbanas (Parte 1 de 2) - Leia mais…

Vida e Morte no 'Pior' Bairro de São Paulo

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 11:26

A partir da análise de dados sobre o Bom Retiro de 1880 até 2019, os participantes discutiram a relação entre a saúde pública (bem como uma série de políticas formais reforçadas por atores treinados) e a "saúde do público" (como moradores do bairro entendem sua própria saúde).

Vida e Morte no 'Pior' Bairro de São Paulo - Leia mais…

A Verdade não Pode ser Planejada

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 11:28

A conferência discutiu a liberdade de expressão nas universidades, analisando principalmente a prática conhecida como "no platforming", quando grupos estudantis ou militantes interrompem aulas e palestras contendo discursos que consideram imorais ou perigosos.

A Verdade não Pode ser Planejada - Leia mais…

Governança e Planejamento Ambiental: Adaptação e Políticas Públicas na Macrometrópole Paulista

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 11:27

Roda de conversa sobre a interface ciência e política - com foco em planejamento e governança ambiental - organizada pelo Grupo de Pesquisa Meio Ambiente e Sociedade e o Programa USP Cidades Globais (ambos do IEA) em parceria com os organizadores do livro "Governança e Planejamento Ambiental: Adaptação e Políticas Públicas na Macrometrópole Paulista", lançado no evento.

Governança e Planejamento Ambiental: Adaptação e Políticas Públicas na Macrometrópole Paulista - Leia mais…

Exposição e Coletiva de Imprensa Walter Neves

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 11:20

A entrevista coletiva à imprensa foi concedida por quatro integrantes da equipe que descobriu, na Jordânia, ferramentas de pedra lascada que teriam sido produzidas há 2,4 milhões de anos, segundo os três métodos de datação utilizados. A descoberta pode mudar a história do gênero Homo, uma vez que seus resultados indicam que representantes do gênero teriam saído da África 500 mil anos antes do que tem sido afirmado até agora (há 1,9 milhão de anos). A descoberta ainda indica que o primeiro hominínio a sair da África pode ter sido o Homo habilis, e não o Homo erectus, como defendem os estudos paleoantropológicos até agora.

Exposição e Coletiva de Imprensa Walter Neves - Leia mais…

Encontro dos ex-ministros da Cultura

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 11:35

Reunidos dia 2 de julho, no IEA, os ex-ministros da Cultura Luiz Roberto Nascimento Silva, Francisco Weffort, Juca Ferreira, Marta Suplicy e Marcelo Calero discutiram os rumos atuais das políticas públicas na área e divulgaram manifesto ao país.

Encontro dos ex-ministros da Cultura - Leia mais…

Boas Práticas, Tendências e Tecnologia Contra Incêndios Para o Patrimônio Cultural

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 11:20

Os recursos e tendências na prevenção de incêndios em patrimônios culturais, como museus e acervos, foi o tema deste evento, que reuniu especialistas em gestão cultural e gerenciamento de risco.

Boas Práticas, Tendências e Tecnologia Contra Incêndios Para o Patrimônio Cultural - Leia mais…

Do Pós ao Neo-Olimpismo: Esporte e Movimento Olímpico no Século XXI - Parte 2 de 2

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 11:36

As mesas do seminário debateram vários dos principais temas em discussão no âmbito do Movimento Olímpico contemporâneo. Criado no final do século 19, o movimento se consolidou ao longo do século 20 com a criação do Comitê Olímpico Internacional (COI), uma das instituições mais poderosas do planeta e responsável pela realização dos Jogos Olímpicos.

Do Pós ao Neo-Olimpismo: Esporte e Movimento Olímpico no Século XXI - Parte 2 de 2 - Leia mais…

Do Pós ao Neo-Olimpismo: Esporte e Movimento Olímpico no Século XXI - Parte 1 de 2

por Sergio R V Bernardo — última modificação 18/09/2019 11:35

As mesas do seminário debateram vários dos principais temas em discussão no âmbito do Movimento Olímpico contemporâneo. Criado no final do século 19, o movimento se consolidou ao longo do século 20 com a criação do Comitê Olímpico Internacional (COI), uma das instituições mais poderosas do planeta e responsável pela realização dos Jogos Olímpicos.

Do Pós ao Neo-Olimpismo: Esporte e Movimento Olímpico no Século XXI - Parte 1 de 2 - Leia mais…