Você está aqui: Página Inicial / REVISTA / Lançamentos

Revista 'Estudos Avançados' 99 publica dossiê abrangente sobre a pandemia

por Mauro Bellesa - publicado 17/07/2020 22:00 - última modificação 29/07/2020 09:28

Edição 99 da revista "Estudos Avançados", lançada em julho, contém o dossiê "Pandemia pela Covid-19" e a seção "Retrato da Juventude".

Capa de "Estudos Avançados" 99Dedicada às vítimas da Covid-19, a edição 99 da revista “Estudos Avançados”, com versão digital lançada recentemente, apresenta um extenso e abrangente dossiê sobre a pandemia da doença causada pelo coronavírus Sars-CoV-2.

Segundo o sociólogo Sérgio Adorno, editor da publicação, o objeto do dossiê é a complexidade da pandemia, refletida nos 17 artigos escritos por 47 pesquisadores de duas dezenas de universidades e instituições de pesquisa de vários estados brasileiros [veja o sumário abaixo].

“Seus múltiplos aspectos são abordados por experimentados pesquisadores por meio de densas investigações, algumas das quais produzidas na efervescência dos acontecimentos, na busca, ao que parece, ininterrupta de respostas científicas e de planos governamentais para deter seu curso natural, fertilizado por desfavoráveis condições sociais e políticas", observa o editor.

Ele destaca que a pandemia é antes de tudo um problema de saúde pública, envolvendo diferentes modalidades de coletivos, representados, por exemplo, por grupos com distintos graus de vulnerabilidade.

“Não sem razão, o dossiê aborda questões mais propriamente situadas nesse domínio, tais como: as normativas dos organismos internacionais e nacionais de regulação, as corridas para a descoberta de vacinas, para a realização de testes, para modelagens epidemiológicas consequentes que possibilitem a avaliação tanto de cenários quanto de diretrizes para prevenção.”

No entanto, a pandemia também revela a dura realidade social, acentuada pelo “agudo processo de recessão econômica que, em sociedades como a brasileira, significa, antes de tudo, o agravamento das desigualdades sociais que se projetam com maior intensidade nas metrópoles, como é o caso de São Paulo”, afirma Adorno.

Ele ressalta que os estudos espaciais do dossiê demonstram como as desigualdades afetam os mais pobres, a população negra e os moradores de bairros onde predominam populações de baixa escolaridade e renda, “os mais vulneráveis à contaminação e aos óbitos” pela Covid-19.

Outros temas tratados pelo dossiê destacados pelo editor são questões a respeito do direito à privacidade diante do intenso rastreamento e monitoramento de dados, os perigos de propagação do Sars-Cov-2 nos biomas brasileiros e a ausência no Brasil de políticas governamentais, inclusive urbanas, capazes de conter os avanços da pandemia.

O dossiê é aberto com artigo do colaborador da revista na organização do conjunto de textos, o médico José da Rocha Carvalheiro, professor titular de medicina social da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP) da USP e integrante do Observatório da Inovação e Competitividade do IEA.

No artigo, Carvalheiro afirma que a Covid-19 será no Brasil não uma doença limitada no tempo, mas sim no espaço: “Uma endemia ou, talvez, uma coleção de endemias com características diversas distribuídas pelo território nacional. Pela diversidade, as propostas de controle fatalmente terão características próprias. O que exige um esforço de coordenação e uma habilidade política por parte dos dirigentes”.

O esforço de "Estudos Avançados" para colaborar com o debate acadêmico e do público em geral sobre a Covid-19 e suas consequências não se esgota na edição atual. O 100º número da revista, a ser lançado no próximo quadrimestre, trará artigos sobre o impacto da pandemia em áreas como economia (nacional e internacional), relações internacionais, educação, mercado de trabalho, agricultura, alimentação e engenharias.

Juventude

Outro destaque da edição é um conjunto de artigos sobre a juventude brasileira, tema abordado pela primeira vez pela revista. Organizada com a colaboração da professora Marilia Pontes Sposito, da Faculdade de Educação da USP, coautora de um dos artigos, a seção “Retrato da Juventude” contém seis textos de uma dúzia de pesquisadores de educação e sociologia da USP, UFABC, UFSCar, UFC. UnB, Uepa, Unisinos e Unifal.

De acordo com Adorno, a seção “trata de questão sempre presente nos debates públicos: a juventude como questão social”. Apesar da variedade de temas abordados, ele identifica como eixo que articula todas as contribuições “o esforço, a partir de investigações originais, em rever teses que pareciam consolidadas na literatura especializada”.

No que se refere ao âmbito educacional, há artigos sobre a participação de estudantes do ensino médio no plano institucional das escolas (a partir dos resultados de pesquisa sobre o tema em centros urbanos de Brasil, Argentina, México e Espanha), as dificuldades para a escolarização da juventude brasileira surgidas desde os anos 90 e o que representou para seus protagonistas a ocupação de escolas no Rio Grande do Sul em maio e junho de 2016.

A seção traz também artigos sobre a atuação pública via Facebook de jovens conservadores, a produção cultural juvenil na periferia de Fortaleza e as políticas e propostas para a capacitação profissional de jovens e sua inserção no mundo do trabalho nas últimas três décadas.

Versão impressa: em meados de agosto, estarão disponíveis os exemplares da edição 99, ao preço de R$ 30,00. Os interessados em reservar um exemplar ou fazer uma assinatura anual da revista (três edições por R$ 90,00) podem enviar mensagem para estavan@usp.br.

Sumário

Pandemia pela Covid-19

  • Os Coletivos da Covid-19 – José da Rocha Carvalheiro
  • Crise dentro da Crise: Respostas, Incertezas e Desencontro no Combate à Pandemia da Covid-19 no Brasil – Cláudio Maierovitch Pessanha Henriques e Wagner Vasconcelos
  • Pandemia pela Covid-19 e Multilateralismo: Reflexões a Meio do Caminho – Paulo Marchiori Buss, Santiago Alcázar e Luiz Augusto Galvão
  • Ciência e Tecnologia em um Mundo de Ponta-Cabeça – Glauco Arbix
  • Avaliação de Tecnologias em Saúde: Tensões Metodológicas durante a Pandemia de Covid-19 – Carmen Phang Romero Casas, Julio Silva, Rodolfo Castro, Marcelo Ribeiro-Alves e Carolina Mendes Franco
  • Modelagem da Pandemia Covid-19 como Objeto Complexo (Notas Samajianas) – Naomar de Almeida Filho
  • O Raciocínio Geográfico e as Chaves de Leitura da Covid-19 no Território Brasileiro – Raul Borges Guimarães, Rafael de Castro Catão, Oséias da Silva Martinuci, Edmur Azevedo Pugliesi e Patricia Sayuri Silvestre Matsumoto
  • Ciência e Políticas Públicas nas Cidades: Revelações da Pandemia da Covid-19 – Marcos Silveira Buckeridge e Arlindo Philippi Jr.
  • Análise Sistêmica do Município de São Paulo e suas Implicações para o Avanço dos Casos de Covid-19 – Vinicius Carvalho Jardim e Marcos Silveira Buckeridge
  • A Privacidade em Tempos de Pandemia e a Escada de Monitoramento e Rastreio – Gabriela Capobianco Palhares, Alessandro Santiago dos Santos, Eduardo Altomare Ariente e Jefferson de Oliveira Gomes
  • Interfaces à Transmissão e Spillover do Coronavírus entre Florestas e Cidades – André Luis Acosta, Fernando Xavier, Leonardo Suveges Moreira Chaves, Ester Cerdeira Sabino, Antonio Mauro Saraiva e Maria Anice Murebe Sallum
  • Covid-19 no Brasil: Entre o Negacionismo e a Razão Neoliberal – Sandra Caponi
  • População Negra e Covid-19: Reflexões sobre Racismo e Saúde – Márcia Pereira Alves dos Santos, Joilda Silva Nery, Emanuelle Freitas Goes, Alexandre da Silva, Andreia Beatriz Silva dos Santos, Luís Eduardo Batista e Edna Maria de Araújo
  • A Humanidade Encontra sua Irrelevância – Eugênio Bucci
  • Análise de Redes Sociais como Estratégia de Apoio à Vigilância em Saúde durante a Covid-19 – Fernando Xavier, João Rodrigo Windischi Olenscki, André Luis Acosta, Maria Anice Mureb Sallum e Antonio Mauro Saraiva
  • Epidemia e Contenção: Cenários Emergentes do pós-Covid-19 – Marcos Antônio Mattedi, Eduardo Augusto Werneck Ribeiro, Maiko Rafael Spiess e Leandro Ludwig
  • Saúde e Sustentabilidade – José Eli da Veiga

Retrato da Juventude

  • Jovens do Ensino Médio e Participação na Esfera Escolar: Um Estudo Transnacional – Marilia Pontes Sposito, Elmir de Almeida e Felipe de Souza Tarábola
  • Novas e Velhas Barreiras à Escolarização da Juventude – Adriano Souza Senkevics e Marília Pinto de Carvalho
  • Do Qualificar ao Empreender: Políticas de Trabalho para Jovens no Brasil – Livia de Tommasi e Maria Carla Corrochano
  • Cidade, Arte e Criação Social: Novos Diagramas de Culturas Juvenis da Periferia – Glória Diógenes
  • A Insurgência de uma Geração de Jovens Conservadores: Reflexões a partir de Karl Mannheim – Wivian Weller e Lucélia de Moraes Braga Bassalo
  • Experiência e Subjetivação Política nas Ocupações Estudantis no Rio Grande do Sul – Luís Antonio Groppo e Rodrigo Manoel Dias da Silva