Você está aqui: Página Inicial / EVENTOS / Exposições: "Do Corpo à Terra"; "Domingos de Criação"; "Como Vai Você, Geração 80?" (pelos respectivos curadores Frederico Moraes e Marcus Lontra)

Exposições: "Do Corpo à Terra"; "Domingos de Criação"; "Como Vai Você, Geração 80?" (pelos respectivos curadores Frederico Moraes e Marcus Lontra)

Detalhes do evento

Quando

de 14/11/2017 - 14:30
a 14/11/2017 - 17:30

Onde

Sala de Eventos do IEA, Rua da Praça do Relógio, 109, Bloco K, 5° andar, Butantã, São Paulo

Nome do Contato

Telefone do Contato

11 3091-1678

Adicionar evento ao calendário

Neste encontro, o curador e crítico de arte Frederico Morais falará dos eventos "Do Corpo à Terra", realizado no Palácio das Artes, em Belo Horizonte, MG, em 1970; e "Domingos de Criação", que ocorreu no Museu de Arte Moderna no Rio de Janeiro, de janeiro a julho de 1971. Já o curador e crítico de arte Marcus Lontra irá comentar sobre "Como Vai Você, Geração 80?", exposição sediada na Escola de Artes Visuais do Parque Laje, Rio de Janeiro, em 1984.

Ciclo "Cultura, Institucionalidade e Gestão"

A programação do ciclo consiste em quatro etapas que pretendem fornecer um panorama crítico, atual e histórico da formação de uma estrutura cultural na cidade de São Paulo, pelo ponto de vista da gestão cultural em instituições e terá como foco

  1. as relações entre arte, cultura e política,
  2. o perfil de instituições culturais que fazem diferença na estrutura cultural de uma cidade como São Paulo,
  3. a contribuição de certos gestores culturais na consolidação de um campo cultural no Brasil e
  4. o papel das exposições na representação cultural de um Brasil contemporâneo.
Por meio de uma dinâmica discursiva e reflexiva em interação direta com importantes equipamentos culturais da cidade e seus principais agentes, a programação  pretende assim oferecer um amplo e crítico panorama da situação da cultura no Brasil pelo viés da gestão cultural em instituições e organismos de representação cultural.

Esta  atividade dá continuidade ao ciclo com o retrospecto da carreira de Ricardo Ohtake como dirigente cultural na cidade de São Paulo. Ela corresponde a uma trajetória de vida dedicada às artes e à cultura, iniciada no Departamento de Informação e Documentação Artísticas (IDART) da Secretaria Municipal de Cultural no final da década de 1970, quando Ricardo Ohtake liderou o projeto de organização do Centro Cultural São Paulo (CCSP), sendo seu primeiro diretor. De lá para cá, foi Secretário da Cultura do Estado de São Paulo, Secretário do Verde e do Meio Ambiente da Prefeitura de São Paulo e diretor do do Museu da Imagem e do Som e da Cinemateca Brasileira. Atualmente dirige o Instituto Tomie Ohtake.

Expositores

Frederico Morais

Marcus Lontra

Coordenador

Ricardo Ohtake

Inscrições

Evento público e gratuito. Com inscrição prévia

Capacidade da sala: 50 lugares

Programação

Acesse a programação completa aqui

Evento com transmissão em: http://www.iea.usp.br/aovivo