Você está aqui: Página Inicial / PESQUISA / Como Encaminhar Projeto

Como Encaminhar Projeto

por Marilda Gifalli - publicado 25/11/2013 15:55 - última modificação 14/09/2017 12:12

Programa Ano Sabático

O Programa Ano Sabático do IEA, criado pela Resolução 7.069, possibilita a professores da USP dedicação integral ao desenvolvimento de projetos de pesquisa pelo período de 6 meses a 1 ano. Podem participar professores da USP que tenham, no mínimo, 7 (sete) anos de efetivo exercício em RDIDP. Durante a pesquisa, os docentes atuarão exclusivamente junto ao IEA, estando dispensados, sem prejuízo, do exercício de suas atividades, inclusive as didáticas, junto à unidade de origem.

Os candidatos deverão apresentar documento de aprovação de sua participação no Programa por parte do Conselho de Departamento ou colegiado equivalente, bem como por parte da Congregação ou colegiado máximo de sua unidade/órgão de lotação.

O programa conta com o apoio da Pró-Reitoria de Pesquisa, que destinará uma verba específica de auxílio para cada projeto aprovado.

Os pesquisadores deverão realizar ao menos uma conferência por semestre de participação, bem como produzir um paper inédito e original ou outro produto apresentado e aprovado em seu projeto. O paper poderá ser publicado na Revista Estudos Avançados ou no site do IEA.

Encerrada a pesquisa, os professores devem apresentar um relatório das atividades realizadas e dos resultados obtidos.

Programa de Pós-Doutorado

O Programa de Pós-Doutorado na USP é regulamentado pela resolução 5.868, de 23/09/2010. É realizado por portadores de título de doutor com o objetivo de melhorar o nível de excelência científica da Universidade.

Sobre o programa

  • Duração: de 3 meses a 2 anos, podendo haver renovações.
  • É vedado o uso de recursos orçamentários da USP, não gerando vinculo empregatício ou funcional com a Universidade.
  • O Programa de Pós-Doutoramento poderá ser desenvolvido em tempo integral ou parcial, desde que atendida a Resolução 5.868, de 23/09/2010.
  • O pós-doutorado em tempo integral dá direito aos serviços sociais e acadêmicos oferecidos aos docentes da USP, o sem bolsa dá direito aos serviços acadêmicos.

      Professores visitantes

      O IEA recebe professores visitantes internacionais e nacionais que queiram realizar atividades de pesquisa interdisciplinares e contribuir de forma ousada e singular para a ciência, a cultura e a sociedade.

      Os interessados devem ser pesquisadores de mérito reconhecido, com potencial para desenvolverem atividades acadêmicas diversas no IEA e na USP e devem enviar o projeto para análise do Conselho Deliberativo do IEA . O Instituto procurará financiar estas bolsas com recursos da própria universidade, assim como por meio do apoio de agências de fomento à pesquisa. Os projetos devem, preferencialmente, estar inseridos nas linhas de pesquisa desenvolvidas pelos grupos do Instituto.

      • Permanência: de 1 mês a 1 ano (com possibilidades de extensão para mais um ano, sujeito à avaliação no transcorrer da bolsa)


      Encerrada a pesquisa, os professores devem apresentar um relatório das atividades realizadas e dos resultados obtidos.

      Grupos de Pesquisa

      Os Grupos de Pesquisa reúnem integrantes formalmente organizados para o desenvolvimento de projeto interdisciplinar por prazo determinado. Podem ser propostos por docentes da USP, de outras instituições acadêmicas ou integrantes de instituições de natureza diversa e reconhecido mérito. Espera-se que os coordenadores de Grupos de Pesquisa tenham ní­vel 1 de Bolsista de Produtividade de Pesquisa do CNPq, ou equivalente.

      Preservada sua liberdade de pesquisa e iniciativa, os Grupos de Pesquisa devem observar as diretrizes acadêmicas definidas pelo Conselho Deliberativo.

      Cada Grupo de Pesquisa é dirigido por um Coordenador, que pode ser auxiliado por um Vice-Coordenador. A coordenação de um Grupo de Pesquisa é definida e alterada, se necessário, por consenso entre seus membros ou por decisão do Conselho Deliberativo.

      Ao coordenador de um Grupo de Pesquisa compete:

      • gerenciar o desenvolvimento do projeto de pesquisa, cuidando para que suas metas sejam atingidas e o cronograma cumprido satisfatoriamente;
      • elaborar os relatórios anuais e final a serem entregues ao Conselho Deliberativo;
      • estimular a produção de artigos e outros documentos sobre os estudos desenvolvidos pelo Grupo de Pesquisa;
      • planejar atividades públicas sobre os temas de trabalho da equipe, tais como conferências, seminários e outros tipos de eventos acadêmicos;
      • avaliar solicitações de pesquisadores que queiram ingressar no Grupo de Pesquisa e comunicar ao Conselho Deliberativo alterações na composição do Grupo;
      • participar das atividades editoriais e de divulgação do IEA ligadas às realizações do Grupo de Pesquisa.

       

      Aos membros dos grupos e integrantes do Instituto compete:

      • executar os projetos em que estejam envolvidos em conformidade com as propostas aprovadas pelo Conselho Deliberativo;
      • participar de atividades públicas do Instituto, para apresentação e difusão dos resultados alcançados e interação com outros pesquisadores;
      • contribuir com artigos e outras colaborações nas publicações impressas e eletrônicas do Instituto.

       

       

      Grupos de Estudo

      Os Grupos de Estudo, mais flexíveis que os de pesquisa, acolherão projetos embrionários ou exploratórios de novas temáticas. De caráter interdisciplinar, esses grupos poderão ser compostos por professores (vinculados à USP ou não), alunos de graduação e pós-graduação e representantes de instituições não acadêmicas. Espera-se que os coordenadores de Grupos de Estudo tenham ní­vel 1 de Bolsista de Produtividade de Pesquisa do CNPq, ou equivalente.

      O tema a ser estudado, o período de funcionamento e os resultados esperados das atividades do Grupo deverão constar de proposta a ser apreciada pelo Conselho Deliberativo do IEA.